Carregando...
Ir para o conteúdo principal

Questões de concursos

Confira várias questões de diferentes concursos públicos e responda as perguntas para testar o seu conhecimento.


Minhas questões:

Questões com:

Excluir questões:


Carregando...
Carregando...
Carregando...

Carregando...

Exibindo 1 a 15 de 495 questões.

Salvar em Meus Filtros
Imprimir página - Exibindo 1 a 15
Questões por página:
Q781019

“A fonologia das línguas de sinais estuda as diferenças percebidas e produzidas relacionadas com as diferenças de significado “(QUADROS, 2004). Assim, quando sinalizamos “LEMBRAR” e “AMANHÔ, temos

Carregando...
Q781021

A configuração de mão em “S” pode representar vários classificadores na língua de sinais, dentre eles, a representação icônica de

Carregando...
Q781007

Observe a tirinha a seguir. Sabendo-se que a interdisciplinaridade pressupõe, de um lado, a transferência de conceitos teóricos e de metodologia e, de outro, a intersecção de áreas, a tirinha apresentada cumpre seu ideal interdisciplinar ao, além de se utilizar

Carregando...
Q781014

Nas afirmações a seguir: ( i ) “A gramática manda usar o pronome depois do verbo”; ( ii ) “Independentemente de ter ido à escola, os falantes de língua portuguesa sabem que a palavra “um” pode aparecer antes de palavras como “livro” ou “elefante”, mas não antes de palavras como “janela” ou “cabrita”; e ( iii ) “retratar e sistematizar os fatos de uma língua é papel da gramática”, vemos concepções diferentes do termo gramática e a acepção realizada de uma ou de outra define as estratégias didático pedagógicas do ensino de língua. As declarações correspondem, respectivamente, às seguintes concepções de gramática:

Carregando...
Q781002

Alguns fenômenos em línguas oral-auditivas também são encontrados em línguas de sinais. Um desses fenômenos é a alomorfia em Libras, que ocorre quando

Carregando...
Q781064

“Haveria uma falha na organização gramatical da língua de sinais, que seria derivada das línguas de sinais, sendo um pidgin sem estrutura própria, subordinado e inferior às línguas orais” (Quadros e Karnopp, 2004) A respeito da informação acima, considere que foram produzidas as avaliações a seguir. I. É verdade. As línguas de sinais dependem completamente das línguas orais e não conseguem dar vazão às emoções e aos sentimentos. II. É mito. As línguas de sinais atendem todos os critérios linguísticos de uma língua genuína, no léxico, na sintaxe e na capacidade de gerar infinitas sentenças. III. É verdade. As línguas de sinais são línguas artificiais, não possuem estrutura própria e por isso se tornam totalmente dependente das línguas orais. IV. É mito. As línguas de sinais são completamente independentes das línguas faladas e não possuem uma gramática própria. Assinale

Carregando...
Q781057

Sobre surdez e o sujeito surdo, analise as afirmativas a seguir. I. Os sujeitos surdos não diferenciam uns dos outros pelo grau de surdez. II. A surdez é vista como uma deficiência de acordo com o viés cultural. III. O surdo, quando não é obrigado a olhar-se como ouvinte, se enquadra nos moldes ouvintistas. IV. O tipo de surdez pode ser condutiva, neurossensorial ou mista. Assinale

Carregando...
Q781069

Assinale a alternativa que contém os sinais que correspondem ao uso das expressões faciais gramaticais no nível morfológico na Língua Brasileira de Sinais.

Carregando...
Q781083

A Lei 10.436, a Lei de Libras, como é conhecida, foi decretada pelo Congresso Nacional e sancionada pelo Presidente da República no dia 24 de abril de 2002. Ela possui 5 artigos e 2 parágrafos únicos. De acordo com o texto da lei, assinale a alternativa correta.

Carregando...
Q781076

Assinale a alternativa que contenha, respectivamente, verbos simples, verbos direcionais, verbos locativos, verbos manuais e verbos classificadores.

Carregando...
Q781071

Sobre homônimos, assinale a alternativa em que tal relação se verifica.

Carregando...
Q780996

Tomando como base um dos sentidos revelados pelo eu lírico do poema acima, quais das asserções abaixo trazem uma melhor contextualização do ensino-aprendizagem interdisciplinar entre língua portuguesa e literatura?

I. Leitura. Relação da mensagem do poema com práticas sociais não duráveis. Exploração dos jogos de palavras e da estrutura do poema. Conexão da ideia de “fugacidade” (do eu lírico) com a de “liquidez humana” (de Zygmunt Bauman).
II. Declamação do poema. Escansão dos versos. Análise estrutural da estrofe. Localização temporal do autor do poema com o objetivo de saber seu pertencimento a alguma escola ou movimento literários.
III. Declamação do poema. Vinculação da aparência sonora rítmica imitando as batidas de um coração, versos 3 ao 7, à temática “fragilidade humana”. Interpretação textual. Análise semântica dos advérbios na poesia e de seu uso na oralidade.
IV. Leitura. Modo e Tempo verbais. Morfologização. Sintagmas verbais e nominais.

Assinale

Carregando...
Q781006

Segundo Zaponne (2008), o conceito de letramento aplicado ao estudo da literatura mostra-se bastante fértil, pois permite uma compreensão do literário situada fora dos domínios estritamente ligados ao texto e abre perspectivas para o estudo de variados aspectos relacionados ao modo como se constroem os padrões sociais de letramento literário que levam à efetuação de diferentes práticas em diferentes contextos. Conhecer as práticas de letramento literário presentes na escola, bem como as práticas de letramento literários presentes em diferentes âmbitos sociais, têm seu contributo para que se possa pensar nas relações entre

Carregando...
Q780995

Nas últimas décadas, dispositivos legais, estudiosos e pesquisadores debruçados sobre a relação específica entre escola, literatura e competência leitora têm orientado que

Carregando...
Q781020

O sinal de “VERDADE” na língua de sinais tem na sua composição morfológica um aspecto importante para sua formação. Estamos tratando de

Carregando...
GABARITO:

  • 1) E
  • 2) A
  • 3) D
  • 4) C
  • 5) D
  • 6) B
  • 7) C
  • 8) B
  • 9) E
  • 10) D
  • 11) B
  • 12) A
  • 13) D
  • 14) C
  • 15) C
  •  
© Aprova Concursos - Al. Dr. Carlos de Carvalho, 1482 - Curitiba, PR - 0800 727 6282