Concurso TJ AC 2024: Inscrições ABERTAS com salários de até R$ 7,5 mil!

Publicado em 08/02/2024

Foi divulgado, nesta sexta-feira (19) o edital para o concurso do Tribunal de Justiça do Acre. Com 91 vagas imediatas + 1.460 para formação de cadastro reserva, as inscrições se iniciam em 07/02/2024 e vão até 01/03/2024; provas devem ser realizadas em 24/03/2024. Para saber tudo sobre o Concurso TJ AC 2024, continue a leitura!

concurso tj ac 2024

Sobre o Concurso TJ AC 2024

CARGO VAGAS CADASTRO DE RESERVA SALÁRIO ESCOLARIDADE
Técnico: Judiciário – Agente – Polícia Judicial                  10 R$ 4.659,20 Técnico
Técnico: Judiciário – Microinformática             1                  10 R$ 4.659,20 Técnico
Técnico: Judiciário            15                 290 R$ 4.659,20 Técnico
Técnico: Judiciário – Segurança do Trabalho                 10 R$ 4.659,20 Técnico
Analista: Judiciário – Banco de Dados             2                 20 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Ciência de Dados             2                 20 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Infraestrutura – T.I             2                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Redes – Computadores             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Monitoramento de T.I             2                 20 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Negócios de T.I             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Projetos de T.I            1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Segurança da Informação             2                 20 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Sistemas            15                150 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Suporte             2                 20 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Web Designer                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Administrador             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Arquiteto             1                 20 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Arquivista             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Comunicação Social                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Contador             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Direito – Administrativa             2                 20 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Economista             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Educador Físico                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Enfermeiro             1                 10 R$ 3.758,60 Superior
Analista: Judiciário – Engenheiro             2                 30 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Estatístico             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Fisioterapeuta             1                 10 R$ 3.758,60 Superior
Analista: Judiciário – Médico             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Odontólogo                 10 R$ 3.758,60 Superior
Analista: Judiciário – Pedagogo             1                 10 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Psicólogo            1                 70 R$ 3.758,60 Superior
Analista: Judiciário – Serviço Social             1                 70 R$ 5.678,40 Superior
Analista: Judiciário – Direito – Judicial            26                290 R$ 7.521,20 Superior
Analista: Judiciário – Oficial de Justiça             3                160 R$ 7.521,20 Superior
Total de Vagas:            91              1.400

Requisitos básicos

No contexto do concurso, é imprescindível que os candidatos atendam a uma série de requisitos para garantir sua aprovação e posse no cargo desejado. Entre esses requisitos, destaca-se a necessidade de comprovar a aprovação e classificação no concurso, conforme as diretrizes do Edital.

Além disso, é crucial apresentar todos os documentos solicitados para a posse e verificar se os pré-requisitos do cargo pretendido são atendidos. A comprovação da nacionalidade, seja brasileira ou portuguesa, conforme as disposições constitucionais, é um passo essencial no processo.

Para os brasileiros naturalizados, é importante estar ciente da obrigação de fornecer informações detalhadas sobre o processo de naturalização durante a posse. Isso inclui dados como a data de chegada ao Brasil, país de origem, data de publicação da naturalização e a existência de filhos brasileiros.

Aqueles que obtiveram diplomas ou certificados no exterior devem estar atentos à necessidade de validação pelos órgãos competentes no Brasil, de acordo com a legislação vigente na data da posse. A comprovação da escolaridade é feita por meio de diploma original de instituição reconhecida pelo Ministério da Educação.

Outros pontos importantes incluem a idade mínima de 18 anos na data da posse, a aptidão física e mental para o cargo, a regularidade com as obrigações eleitorais e militares, quando aplicável. A idoneidade moral é verificada por meio de investigação social, evidenciada por certidões negativas civis e criminais expedidas pelo Poder Judiciário Federal e Estadual.

Ao se inscrever, o candidato deve estar ciente e aceitar a responsabilidade de entregar os documentos comprobatórios dos requisitos exigidos para o cargo no momento da posse. Vale ressaltar que, no ato da investidura no cargo, a posse pode ser negada se não forem comprovados os requisitos e documentos exigidos no Edital. É importante ficar atento a possíveis exigências adicionais estabelecidas por lei para o desempenho das atribuições do cargo.

Inscrição no Concurso TJ AC 2024

A realização da inscrição se dá exclusivamente por meio do endereço eletrônico <www.institutoverbena.ufg.br>, acessado através do Portal do(a) candidato(a) durante o período estipulado no Cronograma (Anexo I).

O valor da inscrição varia de acordo com o nível de escolaridade do cargo pretendido, sendo: a) R$ 100,00 (cem reais) para cargos com exigência de Ensino Médio/Técnico; b) R$ 120,00 (cento e vinte reais) para cargos com requisito de Ensino Superior.

Para efetuar a inscrição, o(a) candidato(a) deve seguir os seguintes passos: a) Acessar o endereço eletrônico <www.institutoverbena.ufg.br> dentro do período de abertura de inscrição até às 17h00 (horário oficial de Rio Branco-AC) do último dia estipulado no Cronograma (Anexo I); b) Preencher todos os campos do formulário de inscrição, conferir os dados digitados e confirmá-los; c) Gerar o formulário de inscrição, documento que certifica a efetivação da solicitação no sistema do Instituto Verbena/UFG, com os respectivos dados do(a) candidato(a); d) Gerar o boleto e efetuar o pagamento após o registro pelo sistema bancário, mesmo que a data limite coincida com dias não úteis. Esta regra não se aplica ao(a) candidato(a) beneficiado(a) com a isenção da taxa de inscrição.

Ao realizar a inscrição, o(a) candidato(a) deve optar pelo cargo e a comarca correspondente, concorrendo para aquele cargo na respectiva comarca. É possível realizar inscrição para mais de um cargo, cabendo ao(a) candidato(a) a responsabilidade de verificar a compatibilidade de horários das provas e as especificações exigidas pelos cargos.

O processo de inscrição, assim como a emissão do boleto, encerra-se às 17h00 (horário oficial de Rio Branco) no último dia previsto no Cronograma (Anexo I). Fique atento aos prazos estabelecidos para não perder a oportunidade de participar do concurso.

Isenção da taxa

A isenção do pagamento da taxa de inscrição será concedida apenas nos casos especificados no art. 18 da Lei Complementar Estadual nº 345, de 15 de março de 2018. Estas situações são as seguintes:

a) Candidato(a) inscrito(a) no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e membro de família de baixa renda; b) Candidato(a) eleitor convocado(a) e nomeado(a) pela Justiça Eleitoral do Acre, mediante comprovação do serviço prestado à Justiça Eleitoral; c) Candidato(a) doador(a) de sangue; d) Candidato(a) doador(a) de medula óssea.

Para aqueles que se enquadram em alguma dessas categorias, a isenção da taxa de inscrição é uma oportunidade importante, permitindo a participação no processo seletivo sem a necessidade de pagamento. Certifique-se de seguir as instruções fornecidas para comprovar elegibilidade e solicitar a isenção, conforme as disposições legais estabelecidas.

Etapas do concurso

Prova objetiva

A Prova Objetiva constitui a primeira etapa do concurso para todos os cargos em questão. De caráter eliminatório e classificatório, seu propósito é avaliar o conhecimento teórico do candidato necessário para o desempenho eficaz do cargo em questão, atribuindo uma pontuação máxima de 100,0 pontos.

É importante destacar que a prova tem um caráter eliminatório, sendo que o candidato que não alcançar, no mínimo, 60 pontos será eliminado do concurso.

Para o cargo de nível médio, a prova objetiva será realizada no período matutino, com duração de 4h30. Os locais de aplicação serão nos municípios de Rio Branco-AC e Cruzeiro do Sul-AC, conforme a data estabelecida no Cronograma (Anexo I).

Já para os cargos de nível superior, a prova objetiva terá a mesma duração de 4h30 e será aplicada no período vespertino. Os municípios de realização serão Rio Branco-AC e Cruzeiro do Sul-AC, de acordo com a data especificada no Cronograma (Anexo I).

Prova discursiva

A Prova de Redação configura a 2ª etapa do concurso para os cargos de nível médio e superior, excluindo-se determinadas áreas específicas. Esta etapa será realizada simultaneamente à Prova Objetiva.

De caráter eliminatório e classificatório, a Prova de Redação tem como objetivo avaliar a capacidade de articulação de conhecimentos do candidato por meio da produção textual, destacando suas habilidades e competências na manipulação da Língua Portuguesa. Essa avaliação terá um valor total de 100,0 pontos, sendo eliminado do concurso o candidato que não alcançar, no mínimo, 60 pontos.

Avaliação de títulos

A Avaliação de Títulos assume o papel de 2ª Etapa para os cargos de Analista Judiciário – Analista de Banco de Dados, Analista Judiciário – Analista de Ciência de Dados, Analista Judiciário – Analista de Infraestrutura de TI, Analista Judiciário – Analista de Redes de Computadores, Analista Judiciário – Analista de Monitoramento de TI, Analista Judiciário – Analista de Negócios de TI, Analista Judiciário – Analista de Projetos de TI, Analista Judiciário – Analista de Segurança da Informação, Analista Judiciário – Analista de Sistemas, Analista Judiciário – Analista de Segurança da Informação, Analista Judiciário – Analista de Suporte e Analista Judiciário – Web Designer. Além disso, representa a 3ª Etapa para os demais cargos de nível superior.

Esta avaliação, de caráter classificatório, possui uma pontuação máxima de 100 pontos e seguirá os critérios detalhados no Quadro 8. Todos candidatos aprovados na Prova de Redação e na Prova Discursiva, assim como os candidatos classificados na prova objetiva nos cargos mencionados, estão convocados(as) para realizar o upload dos títulos no prazo estabelecido no Cronograma (Anexo I).

Questões

Treinar com provas realizadas em concursos anteriores é, certamente, fundamental para se sair bem na prova do concurso TJ AC 2024. Então, para deixar a sua preparação ainda mais direcionada, separamos um banco de questões sobre o órgão.

Portanto, aproveite essa oportunidade para testar seus conhecimentos e simular o dia da sua prova, assim, você vai deixar um pouco do nervosismo de lado e ficar mais perto da vaga dos seus sonhos.

Resumo do concurso TJ AC 2024

  • Banca: Instituto Verbena
  • Inscrições: 07/02/2024 a 01/03/2024
  • Cargo: Técnicos e Analistas
  • Salário: Até R$ 7.571,20
  • Nível: Médio e Superior
  • Vagas: 91
  • Data da Prova: 24/03/2024

Tudo sobre o TJ AC

O Tribunal de Justiça do Acre (TJ AC) desempenha um papel central no cenário judiciário do estado, atuando como guardião da justiça e zelando pela aplicação das leis. Sua estrutura abrange diversos órgãos, todos voltados para assegurar o adequado funcionamento do sistema judiciário local.

No que diz respeito às competências, o TJ AC é responsável por julgar processos e recursos, além de garantir a constitucionalidade das leis vigentes. Essa atuação visa promover a imparcialidade e garantir a justiça em todas as esferas do direito.

As funções e responsabilidades desempenhadas pelo tribunal são amplas, envolvendo a administração da justiça, a fiscalização das normas legais e a proteção dos direitos individuais e coletivos dos cidadãos do Acre. O TJ AC desempenha um papel crucial na resolução de conflitos, contribuindo para a manutenção da ordem e a busca pela equidade.

No âmbito dos processos e julgamentos, o tribunal lida com uma diversidade de casos, desde questões civis até criminais. A transparência e eficiência do TJ AC são refletidas no acompanhamento dos processos e nas decisões proferidas, elementos essenciais para a credibilidade do sistema judiciário.

Concursos abertos e previstos

Veja os destaques dos concursos abertos e previstos e prepare-se com o Aprova Concursos! Há milhares de oportunidades abertas em diversas em Prefeituras, Tribunais, Polícias (Militar e Civil), e muito mais! E ainda, excelentes oportunidades serão ofertadas em breve em diversos concursos federais.

Prepare-se com o Aprova para o Concurso TJ AC 2024

Para ter um bom desempenho no Concurso Banco Central, é fundamental iniciar sua preparação. E pode ser desafiador, por isso, recomendamos contar com auxílio especializado de professores experientes e um plano de estudos otimizado para garantir um aprendizado focado nos conteúdos mais relevantes para a prova.

No curso preparatório TJ AC 2024, você encontrará videoaulas curtas e uma metodologia eficaz para assimilar os conteúdos mais importantes. Com organização e dedicação, você estará cada vez mais perto de alcançar sua aprovação.

Invista em você e não deixe passar essa oportunidade única de ingressar no Tribunal de Justiça do Acre.

concurso tj ac 2024

Deixe seu Comentário

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO NOTÍCIAS E DICAS SOBRE CONCURSOS