Carregando...
Ir para o conteúdo principal

Questões de concursos

Confira várias questões de diferentes concursos públicos e responda as perguntas para testar o seu conhecimento.


Minhas questões:
Questões com:
Excluir questões:

Carregando...
Carregando...
Carregando...

Carregando...
Exibindo 1 a 15 de 185 questões. Salvar em Meus Filtros
Imprimir página - Exibindo 1 a 15
Questões por página:

Em “No jirau da cozinha arrumavam-se mantas de carne-seca e pedaços de toicinho.” (1º§), ao analisar sintaticamente a oração, deve-se classificar seu sujeito como:

Carregando...

Em “Estou com doente em casa”, o sujeito está oculto, podendo sem percebido pela forma verbal “estou” (flexionada na primeira pessoa do singular – eu). Assinale a alternativa em que o trecho destacado também desempenha a função de sujeito.

Carregando...

Na fala “Seu pai está doente?” o predicado se classifica como:

Carregando...

Considere o trecho abaixo retirado do texto.

“A equipe, liderada pelos psicólogos Jens Gaab e Klaus Opwis, examinou de que maneira vários tipos de informações contextuais afetam a experiência dos visitantes de exposições.” (2º parágrafo)

Assinale a alternativa correta.

Carregando...

Após a leitura a seguir, responda à questão.

Ainda com base no texto 2, atribua (V) para as assertivas verdadeiras ou (F) para as assertivas falsas:

( ) De forma coerente com o tipo textual do texto, é possível afirmar que, predominantemente, os verbos estão conjugados no pretérito perfeito.
( ) Na oração “que atualmente atende uma média de 3,5 milhões de pessoas por ano”, o correto seria conjugar o verbo “atender” no pretérito imperfeito, para a construção do sentido do texto com base na norma padrão.
( ) Considerando apenas a oração “Em Salvador, passou a se dedicar a ações sociais.”, é possível afirmar que se trata de um sujeito oculto.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA de preenchimento dos parênteses.

Carregando...

Considerando a tipologia do texto, as ideias nele expressas e seus aspectos linguísticos, julgue o item.

Nas orações "não basta" (linha 51) e "é preciso" (linhas 51 e 52), a flexão verbal na terceira pessoa do singular justifica-se porque o sujeito de ambas é oracional.

Carregando...

O trecho a seguir foi extraído da obra ‘Memórias do Cárcere’, de Graciliano Ramos.

“Nunca tivemos censura prévia em obra de arte. Efetivamente se queimaram alguns livros, mas foram raríssimos esses autos-de-fé. Em geral a reação se limitou a suprimir ataques diretos, palavras de ordem, tiradas demagógicas, e disto escasso prejuízo veio à produção literária. Certos escritores se desculpam de não haverem forjado coisas excelentes por falta de liberdade - talvez ingênuo recurso de justificar
inépcia ou preguiça. Liberdade completa ninguém desfruta: começamos oprimidos pela sintaxe e acabamos às voltas com a Delegacia de Ordem Política e Social, mas, nos estreitos limites a que nos coagem a gramática e a lei, ainda nos podemos mexer”.

Uma das afirmações do autor no trecho destacado é que “liberdade completa ninguém desfruta”.

A respeito da estrutura sintática dessa oração, marque a alternativa CORRETA.

Carregando...

Atenção: Para responder à questão, baseie-se no texto abaixo.

E há o capitalismo de “stakeholders” (partes interessadas), que posiciona... (2º parágrafo)

O segmento sublinhado acima exerce a mesma função sintática daquele sublinhado em:

Carregando...

Na oração “Não há nada na lei" (linha 08), o sujeito do verbo “há” pode ser classificado como:

Carregando...

A indeterminação de sujeito ou o sujeito oculto pode ser por vezes confundidos com a inexistência de sujeito. Qual das orações a seguir NÃO possui sujeito?

Carregando...

Considere os trechos a seguir retirados dos textos

  1. “Os visitantes de museus não precisam necessariamente de informações para se sentirem satisfeitos depois de visitar uma exposição.A arte pode falar por si mesma.” (texto 1, 1º parágrafo)
  2. “As obras de arte de Ensor geralmente parecem bizarras ou absurdas; esse modo de expressão específico pode ser o que levou os espectadores a fornecer avaliações mais extremas.” (texto 1, 3ºparágrafo)
  3. “A história da criação de museus de arte no Brasil remonta […] fundação da Academia Imperial de Belas Artes (AIBA), no Rio de Janeiro, em 1826, responsável pela organização de exposições, conservação de patrimônio, criação de pinacotecas e coleções.”
    (texto 2, 2º parágrafo)

Identifique abaixo as afirmativas verdadeiras ( V ) e as falsas ( F ), considerando o trecho em seu contexto.

(  ) Em 1, o primeiro período apresenta circunstâncias de finalidade e de tempo.
(  ) Em 1, o segundo período funciona como uma explicação para o primeiro.
(  ) Em 2, as informações são expressas de modo objetivo, factual e assertivo.
(  ) Em 2, os termos bizarras ou absurdas e mais extremas funcionam como predicativo nos dois casos.
(  ) Em 3, “de arte” funciona como adjunto adnominal e “de exposições”, como complemento nominal.

Assinale a alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo.

Carregando...

O trecho a seguir foi extraído da obra ‘Memórias do Cárcere’, de Graciliano Ramos.

“Nunca tivemos censura prévia em obra de arte. Efetivamente se queimaram alguns livros, mas foram raríssimos esses autos-de-fé. Em geral a reação se limitou a suprimir ataques diretos, palavras de ordem, tiradas demagógicas, e disto escasso prejuízo veio à produção literária. Certos escritores se desculpam de não haverem forjado coisas excelentes por falta de liberdade - talvez ingênuo recurso de justificar
inépcia ou preguiça. Liberdade completa ninguém desfruta: começamos oprimidos pela sintaxe e acabamos às voltas com a Delegacia de Ordem Política e Social, mas, nos estreitos limites a que nos coagem a gramática e a lei, ainda nos podemos mexer”.

O trecho destacado se inicia com a afirmação de que “nunca tivemos censura prévia em obra de arte”.

Em relação ao sujeito dessa oração, pode-se afirmar que:

Carregando...

Com relação ao texto, analise as proposições e atribua V para as verdadeiras e F para as falsas.

( ) No primeiro período do texto, composto por três orações, não é possível identificar quem é o responsável por informar ao CNPq sobre a não recomposição integral do orçamento de 2019.

( ) As expressões “desta restrição” e “este cenário” se referem às “medidas necessárias” que foram tomadas pelo CNPq.

( ) O uso da primeira pessoa do plural em: “Reforçamos nosso compromisso com a pesquisa científica, tecnológica e de inovação para o desenvolvimento do País” permite que recuperemos o sujeito oculto “nós”, que se refere discursivamente às pessoas que trabalham no CNPq.

Assinale a alternativa que contém a sequência CORRETA de preenchimento dos parênteses.

Carregando...

Julgue o item seguinte, a respeito das ideias e das construções linguísticas do texto apresentado.

No trecho “Os processos de produção dos objetos que nos cercam movimentam relações diversas entre os indivíduos" (ℓ. 10 a 12), o sujeito da forma verbal “cercam" é “Os processos de produção dos objetos".

Carregando...
GABARITO:

  • 1) D
  • 2) D
  • 3) E
  • 4) E
  • 5) B
  • 6) B
  • 7) Certo
  • 8) C
  • 9) B
  • 10) E
  • 11) E
  • 12) A
  • 13) A
  • 14) D
  • 15) Errado
  •  

Questões de concurso

Nesse texto você vai saber tudo sobre nosso site de questões de concurso, verá também questões de concurso por assunto, questões de concurso público com gabarito e muito mais! Com toda a certeza se você utilizar uma plataforma online, como a do aprova questões para responder questões de concurso, sua preparação ficará ainda melhor.

Responder questões de concurso

Em resumo é muito importante que ao se preparar para concursos, você comece pela leitura do edital para identificar dentro da bibliografia recomendada quais são os assuntos e temas que deverá estudar para conquistar sua vaga no serviço público. Feito isto, você pode optar por estudar com um curso online, de preferência que possua videoaulas e não apostilas, que expliquem e exemplifiquem todo o conteúdo. Optando por aprender o conteúdo de maneira online e com videoaulas, você poderá se preparar em qualquer lugar, e no horário que achar melhor conforme a sua rotina de trabalho ou de atividades que precisa realizar no dia a dia.

E depois que você já tiver lido e revisado todo o conteúdo, a melhor maneira de fixar tudo, testar e saber quais pontos você precisará dar mais atenção, é responder questões de concurso. Busque por concurso, assunto ou disciplina ou até mesmo pela última prova aplicada pelo órgão que você deseja ingressar. É possível também utilizar o filtro para selecionar tudo que já foi aplicado para o cargo que você deseja conquistar, selecionando ainda pelas bancas, também chamadas de organizadoras dos concursos públicos ou ainda pelo ano de aplicação das provas.

Da mesma maneira, você pode selecionar questões por instituição ou órgão público (por exemplo: Prefeituras, Secretarias Estaduais, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Tribunal de Justiça, Tribunal Regional Eleitoral, entre outros); ano de aplicação (desde 1996 até o ano atual); disciplina (Administração, Língua Portuguesa, Matemática, Economia, Antropologia, Artes, Direito do Trabalho, Filosofia, Biologia, e muitas outras); nível de escolaridade (fundamental, médio ou superior); modalidade (múltipla escolha, discursiva e certo/errado) e ainda área de formação (Agronomia, Engenharia Civil, Jornalismo, Ciência da Computação, Direito, Educação Física, Enfermagem, Medicina e muitas outras opções).

E ainda, se você deseja ver questões de concursos públicos com vídeo resposta fique sabendo que isso também é possível. Além de você ter acesso ao texto das questões, poderá ver uma explicação sobre o tema tratado, gravada especialmente para a nossa plataforma, por um professor especialista no assunto, tema ou disciplina descrito na pergunta que você selecionou para responder. Com certeza essa ferramenta auxiliará muito no entendimento do tema e contribuirá para você conquistar a tão sonhada vaga de servidor público em qualquer órgão, seja na esfera municipal, estadual ou até mesmo federal.

Questões de concurso por assunto

Primeiramente, é importante ressaltar que nosso banco de dados possui milhares de questões de concurso público com gabarito, perguntas dos mais diversos assuntos, a fermenta é atualizada diariamente! Isso mesmo, todos os dias nossos colaboradores inserem as questões dos últimos concursos públicos realizados. E, além das questões de concurso, você também pode visualizar as questões de todas as edições do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), Exame da Ordem dos Advogados (OAB) e Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade (CFC).

Por exemplo, se você estuda para concursos de nível fundamental poderá filtrar apenas questões de concurso por assunto que tratem sobre equações de primeiro grau, regra três, conjuntos numéricos e operações, regras de acentuação, pontuação, entre outros temas de matemática e língua portuguesa. Por outro lado, se o seu objetivo são os certames de nível médio, poderá selecionar questões sobre conhecimentos gerais, atualidades, sistemas operacionais, planilhas de cálculos, hardware e software, probabilidade, porcentagem, regência verbal, gêneros textuais, entre outros. E se o seu sonho é uma vaga de nível superior é importante treinar com questões de direito constitucional e administrativo, segurança da informação e da internet, política, economia, estatística, geometria, sintaxe, semântica e muitos outros assuntos.

Por fim, existe ainda a possibilidade de você inserir uma anotação, referente a questão de concurso público que você está respondendo. Isso facilita muito seu aprendizado, você conseguirá gravar com mais facilidade aquele assunto complicado que precisa de atenção. Essa ferramenta foi criada para que você consiga destacar e comentar tudo o que acha importante referente ao tema estudado. E não se preocupe, a anotação é pessoal e sigilosa, somente você terá acesso e poderá visualizar o que escreveu.

© Aprova Concursos - Al. Dr. Carlos de Carvalho, 1482 - Curitiba, PR - 0800 727 6282