PC MT: saiba tudo sobre o edital publicado pela Polícia Civil do Mato Grosso

Atualizado em 18/01/2022 às 10:11

O concurso PC MT acaba de ter seu edital publicado! A oferta é para cadastro de reserva nos cargos de Investigador e Escrivão (nível superior) que oferecem salário inicial de R$ 5,6 mil. As inscrições iniciam dia 12 e a prova será em 20 de fevereiro. Então, se você deseja saber mais informações e iniciar a sua preparação hoje mesmo, não deixe de conferir o texto a seguir!

O Aprova Concursos preparou um curso exclusivo para o concurso PC MT. Nossas videoaulas estão em formato de plano de estudos, ou seja, elas já estão organizadas na ordem dos assuntos que mais tem chances de serem cobrados na prova! Então, é só dar o play e seguir a sequência do seu ambiente de estudos, assim, você não perde tempo! E, elas também são gravadas por assunto, com a duração ideal para que você consiga aprender sobre o tema proposto pelo professor, sem ficar cansativa!

Afinal, a sua preparação só precisa durar o tempo necessário para garantir a vaga dos seus sonhos. Com toda a certeza um dos nossos cursos irá aumentar muito as suas chances de conquistar uma das vagas na Polícia Civil do Mato Grosso, venha para o Aprova e descubra o segredo para ser aprovado!

Estude para o concurso PC MT

Para mais informações, ligue: 0800 727 6282

Tudo sobre o concurso da PC MT

Em resumo, a Polícia Civil do Mato Grosso acaba de publicar um edital de cadastro de reserva para os seguintes cargos:

CARGOS REQUISITOS BÁSICOS
Escrivão de Polícia Curso superior em qualquer área
Investigador de Polícia Curso superior em qualquer área + Carteira Nacional de Habilitação (CNH) categoria B, C ou D

 

E ainda, serão reservadas aos negros 20% das vagas e 10% do total de oportunidades será destinado às Pessoas com Deficiência (PcD).

É importante destacar que em entrevista ao Jornal Caceres Notícias o Governador Mauro Mendes afirmou que apesar de o concurso ser para cadastro de reserva, existe uma previsão de nomear 1.200 aprovados ainda este ano. Todos os candidatos que atingirem a nota mínima de corte estarão entre os aprovados e poderão ser nomeados, conforme a necessidade do Estado do Mato do Grosso.

Quanto ganha um policial civil em Mato Grosso?

Tanto o cargo de Escrivão, como o de Investigador terão salários iniciais de R$ 5.657,47 – valor referente a Classe “A”, Nível 1 das carreiras na PC MT.

Já sobre o regime jurídico da carreira policial civil, o mesmo é o estatutário, regido pela Lei Complementar n. 407, de 30 de junho de 2010 e suas alterações posteriores. E o regime de previdência é próprio.

Qual é a idade máxima para entrar na polícia civil de MT?

O edital da PC MT menciona que é necessário ter idade mínima de 21 (vinte e um) anos, na data da convocação para o curso de formação, e máxima de 45 (quarenta e cinco) anos até a data do encerramento das inscrições.

Qual é a jornada de trabalho na PC MT?

Quanto a jornada de trabalho, o edital destaca que essas funções policiais sujeitam-se à prestação de serviços em condições adversas de segurança, com risco de vida, plantões noturnos e chamadas a qualquer hora, desde que justificada a necessidade, inclusive com a realização de diligências policiais em todo o Estado de Mato Grosso ou fora dele.

Inscrições no concurso PC MT

Primeiramente, o prazo de inscrição inicia no dia 12 de janeiro e segue até 24 de janeiro no endereço eletrônico www.concursos.ufmt.br. A taxa custa R$ 120,00.

Assim sendo, no momento da inscrição, o candidato deverá selecionar a cidade de realização da Prova Objetiva e Discursiva.

E ainda, o prazo de validade do presente Concurso Público é de 2 (dois) anos, a contar da data da publicação da homologação de seu resultado final, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual período.

O concurso PC MT tem isenção da taxa de inscrição?

Sim! Mas essa possibilidade de isenção do pagamento do valor da taxa de inscrição é somente para candidatos desempregados, ou que recebam até um salário-mínimo e meio ou sejam doadores regulares de sangue ou voluntários da Justiça Eleitoral ou jurados que atuarem no Tribunal do Juri.

Mas fique atento, pois o prazo para solicitação de inscrição com isenção do pagamento da taxa de inscrição vai de 12/01 a 14/01/2022. Todas as informações sobre os procedimentos de isenção podem ser verificados no item 7 do edital pc mt.

Etapas concurso PC MT

O concurso PC MT 2022 será composto de duas etapas, sendo a Primeira Etapa dividida em 6 fases:

  • 1ª fase: Prova Objetiva e Dissertativa, de caráter eliminatório e classificatório; e Prova de Digitação, somente para o cargo de Escrivão de Polícia, de caráter eliminatório;
  • 2ª fase: Prova de Títulos, de caráter classificatório;
  • 3ª fase: Exame de Saúde, de caráter eliminatório;
  • 4ª fase: Teste de Aptidão Física, de caráter eliminatório;
  • 5ª fase: Avaliação Psicológica, de caráter eliminatório;
  • 6ª fase: Investigação Social, de caráter eliminatório.

Já a Segunda Etapa do Concurso Público consistirá no Curso de Formação Inicial Técnico- Profissional, ministrado pela Academia de Polícia Judiciária Civil – ACADEPOL, de natureza obrigatória e de caráter eliminatório e classificatório.

As Provas Objetiva e Dissertativa serão realizadas no dia 20 de fevereiro nas cidades de Barra do Garças/MT, Cáceres/MT, Cuiabá/MT, Rondonópolis/MT, Sinop/MT e Várzea Grande/MT. As demais fases do Concurso Público serão realizadas na cidade de Cuiabá/MT.

A Pontuação Final (PF) da Primeira Etapa de cada candidato não eliminado no concurso, para fim de classificação final, será calculada da seguinte forma:

PF = PO (Prova Objetiva) + PD (Prova Dissertativa) + PT (Prova de Títulos)

Os candidatos não eliminados no concurso serão classificados por cargo segundo a ordem decrescente da Pontuação Final.

Prova Objetiva da PC MT

A Prova Objetiva da PC MT será composta de questões objetivas do tipo múltipla escolha. Cada questão conterá cinco alternativas (A, B, C, D e E) e somente uma responderá acertadamente ao comando da questão.

O total de questões, as matérias, a distribuição das questões por matéria, o valor de cada questão e a
pontuação máxima estão descritos no quadro abaixo:

concurso pc mt prova objetiva

Confira como é a prova objetiva da PC MT

É bom ficar atento pois será eliminado do concurso o candidato que não obtiver 50% de cada grupo de conhecimento.

Prova Dissertativa da PC MT

A Prova Dissertativa será composta por uma Prova de Redação de caráter eliminatório e classificatório, constituída de uma produção textual em Língua Portuguesa. O candidato, diante de uma proposta de produção textual, deverá identificar o tema, definir uma perspectiva adequada de abordagem, atender ao gênero solicitado, desenvolver o tema mobilizando os recursos linguísticos e textuais que possibilitem um texto claro, coeso e coerente – uma unidade sociocomunicativa.

Farão a Prova de Redação todos os candidatos regularmente inscritos. Mas serão selecionados para correção da Prova de Redação, para cada cargo, somente os candidatos com pontuação na Prova Objetiva igual ou superior a 50%, de cada grupo de conhecimento dessa Prova e classificados, segundo a ordem decrescente da pontuação obtida na Prova, sendo:

  • 406 candidatos para Ampla Concorrência,
  • 58 para Pessoas com Deficiência
  • 116 para Pessoas Pretas ou Pardas.

No caso de empate na última posição, todos os candidatos que se encontrarem nessa situação serão também selecionados para a correção da Redação, ainda que ultrapassado o limite referido.

Prova de digitação da PC MT

Serão convocados para a Prova Prática de Digitação somente os candidatos ao cargo de Escrivão de Polícia não eliminados na Prova de Redação. Essa etapa terá duração de 6 minutos e consistirá na digitação de um texto impresso, dado a conhecer no momento de sua realização, em microcomputador desktop, teclado Português Brasil ABNT2 e Editor de Texto LibreOffice Writer 6 ou superior, em sistema operacional Microsoft Windows 10, será realizada individualmente, porém em grupos por laboratório.

Avaliação de Títulos da PC MT

Essa etapa é de caráter unicamente classificatório, serão aceitos Pós-Graduação Lato Sensu com mínimo de 360 horas, Pós-Graduação Stricto Sensu – Doutorado, Pós-Graduação Stricto Sensu – Mestrado, Exercício em cargos da Carreira Policial Civil.

Exame de Saúde da PC MT

Nessa etapa será aferido se o candidato goza de boa saúde física e psíquica para suportar os exercícios a que será submetido durante o Curso de Formação Profissional e para desempenhar as atribuições típicas do cargo. As condições incapacitantes estão no Anexo V do edital.

Teste de Aptidão Física (TAF) da PC MT

O Teste de Aptidão Física, de caráter unicamente eliminatório, e será realizada somente com os candidatos não eliminados no Exame de Saúde. A convocação será em ordem alfabética, dividida por cargo e sexo (Feminino e Masculino).

Essa etapa tem a finalidade de avaliar a condição física do candidato para suportar os exercícios a que será submetido durante o Curso de Formação Inicial Técnico-Profissional e para desempenhar as atividades inerentes ao cargo.

O TAF da PC MT será constituído dos seguintes exercícios:

  • Flexão na Barra Fixa (masculino),
  • Flexão Isométrica na Barra Fixa (feminino),
  • Abdominal Remador (masculino e feminino),
  • Teste de Meio Sugado (masculino e feminino),
  • Corrida de 2.400 metros (masculino) e 2.000 metros (feminino).

Avaliação Psicológica da PC MT

Essa etapa do concurso da PC MT consistirá no processo de identificação e descrição de características comportamentais e psicológicas, cognitivas, afetivas, de características de personalidade e de aspectos motivacionais, compatíveis as atribuições do cargo, por meio do uso de instrumentos e procedimento técnicos científicos e aprovados pelo Conselho Federal de Psicologia e realizados por psicólogos registrados no Conselho Regional de Psicologia.

Investigação Social da PC MT

Os candidatos que chegarem até essa etapa, deverão enviar os seguintes documentos, conforme determinação do edital:

  • Documento de identidade;
  • Cadastro de Pessoa Física – CPF;
  • Certificado de reservista ou de dispensa de incorporação, em caso de candidato do sexo masculino;
  • Título de eleitor e comprovantes de votação da última eleição ou certidão do cartório eleitoral quanto ao cumprimento das obrigações eleitorais;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS ou declaração do órgão que comprove o último e/ou atual emprego, ou declaração firmada pelo candidato de que nunca exerceu atividade laboral;
  • Diploma de conclusão de curso superior de qualquer área de formação;
  • Comprovante da residência atual (água, luz, telefone etc.);
  • Declaração firmada de não haver sofrido ou estar cumprindo, no exercício profissional ou de qualquer função pública, penalidade disciplinar de suspensão ou demissão, aplicada por qualquer órgão público e/ou entidade da esfera federal, estadual e/ou municipal;
  • Certidão negativa de antecedentes criminais dos lugares onde tenha residido nos últimos 05 (cinco) anos, expedida pelo órgão de Segurança Pública responsável;
  • Certidões negativas criminais da Justiça Federal e da Justiça Estadual dos lugares onde tenha residido nos últimos 05 (cinco) anos;
  • Última declaração de bens apresentada na Receita Federal; e
  • Declaração firmada e assinada pelo candidato, em que conste:
    • não haver sofrido condenação definitiva por crime ou contravenção;
    • não ter mandado de prisão nem penalidade disciplinar no exercício da advocacia, da magistratura ou de qualquer função pública;
    • se já respondeu ou responde a Termo Circunstanciado de Ocorrência e Inquérito Policial e, em caso afirmativo, a natureza e as circunstâncias da ocorrência, seus motivos, fase atual do procedimento, resultado da conclusão e outras informações que julgar necessárias;
    • se já foi preso em flagrante delito por quaisquer circunstâncias e, em caso afirmativo, a natureza e as circunstâncias da ocorrência, seus motivos, fase atual do procedimento, se houve indiciamento, ação penal, condenação etc.;
    • se já respondeu a ação penal e, em caso afirmativo, a natureza e as circunstâncias, seus motivos e fase atual do procedimento, se houve condenação, suspensão, arquivamento etc.
  • Ficha de Informações Confidenciais (FIC), preenchida e assinada, conforme modelo disponível no endereço eletrônico www.concursos.ufmr.br no ato da convocação para a Investigação Social.

Atribuições PC MT

O edital menciona uma lista completa das atribuições de cada um dos cargos, confira nos tópicos a seguir:

O que faz um Escrivão da PC MT?

  •  proceder à coleta e análise de dados de interesse da investigação policial, em assessoria e sob designação da autoridade policial;
  • proceder, na ausência da autoridade policial, os devidos encaminhamentos aos procedimentos policiais nas tarefas que não forem privativas da autoridade policial;
  • assinar, por ordem, documentos que não sejam privativos da autoridade policial, dispostos
    em instrução normativa do Conselho Superior de Polícia;
  • cumprir despachos e portarias exaradas pela autoridade, bem como lavrar os seguintes atos procedimentais, dentre outros;
  •  termos de declaração, assentada, depoimento, interrogatório, auto de prisão em flagrante delito,
    reconhecimento de pessoas e objetos, acareação, carta precatória, mediante inquirição da autoridade policial presente;
  • certificar atos cartorários e expedir intimações e notificações;
  • lavrar termos circunstanciados de ocorrência por determinação da autoridade policial;
  • controlar os prazos previstos no Código de Processo Penal;
  • assessorar estudos para a execução de projetos de organização e reorganização da área policial;
  • efetuar prisões em flagrante e arrecadar instrumentos relacionados à prática de infrações penais;
  • colaborar no cumprimento de mandados judiciais de prisão, de busca e apreensão, de sequestro de bens entre outros;
  • prestar contas à chefia imediata do valor das fianças recebidas, bem como do que constitui objeto de apreensão, e de todo o patrimônio público que estiver sob sua responsabilidade;
  • ter sob sua guarda e controle os objetos apreendidos relacionados aos procedimentos policiais
    que lhe forem distribuídos, organizando-os e classificando-os;
  • efetuar o registro de ocorrências policiais;
  • tomar providências preliminares sobre qualquer ocorrência policial de que tiver conhecimento, dando ciência imediata à Autoridade Policial, mesmo que se trate de assunto alheio às atribuições da Delegacia ou órgão policial em que estiver lotado, inclusive realizando medidas de isolamento dos locais de crime;
  • coletar dados e impressões digitais para fins de identificação civil e criminal, quando determinado pela Autoridade Policial e nos casos previstos em lei;
  • colaborar nas investigações dos atos infracionais, por força do Estatuto da Criança e do Adolescente;
  • prestar todas as informações necessárias às chefias imediatas competentes da unidade policial;
  • participar de procedimentos disciplinares, conforme designação específica;
  • operar equipamentos de telecomunicações;
  • escriturar e ter sob sua guarda e responsabilidade os livros cartorários, procedimentos policiais e demais documentos, que por força do ofício requerer;
  • classificar em ordem os procedimentos policiais, mandados, cartas precatórias e demais atos policias;
  • elaborar os relatórios e boletins estatísticos do órgão policial, bem como atualizar e analisar os bancos de dados de interesse da investigação policial;
  • zelar pela segurança e preservação do patrimônio do Estado destinado à Polícia Judiciária Civil, bem como cuidar para que haja o uso correto dos mesmos;
  • receber, registrar e selecionar previamente o expediente da unidade policial, conforme designação expressa e em assessoria a autoridade policial;
  • executar outras tarefas correlatas de natureza policial que lhe forem determinadas constantes do Código de Processo Penal, Código Penal e legislação extravagante, observados os preceitos constitucionais;
  • manter o controle de inventário dos bens patrimoniais da unidade policial, promovendo carga e baixa dos mesmos;
  • dirigir e coordenar os trabalhos cartorários, bem como dos seus servidores, quando na condição de Escrivão-Chefe, designado preferencialmente, entre os de Classe Especial;
  • exercer a função de líder de equipe e outras definidas em lei ou regulamento.

O que faz um Investigador da PC MT?

  • proceder à coleta e análise de dados, informações e conhecimento de interesse da investigação policial, em assessoria e sob designação da autoridade policial;
  • proceder, na ausência da autoridade policial, os devidos encaminhamentos aos procedimentos policiais nas tarefas que não forem privativas da autoridade policial;
  • assinar por ordem, documentos que não sejam privativos da autoridade policial, dispostos em instrução normativa do Conselho Superior de Polícia;
  • proceder, mediante determinação expressa da autoridade policial, às diligências e investigações policiais com o fim de coletar provas para a elucidação de infrações penais e respectivas autorias, estabelecer causas e circunstancias, visando à instrução dos procedimentos legais, emitindo relatório circunstanciado dos atos realizados;
  • realizar intimações e notificações;
  • assessorar estudos para a execução de projetos de organização e reorganização na área policial;
  • efetuar prisões em flagrante e arrecadar instrumentos relacionados à prática de infrações penais, de acordo com as disposições legais;
  • cumprir mandados judiciais de prisão, de busca e apreensão, de sequestro de bens entre outros;
  • auxiliar na guarda e controle dos objetos apreendidos relacionados aos procedimentos policiais que lhe forem distribuídos, organizando-os e classificando-os;
  • efetuar o registro de ocorrências policiais;
  • tomar providências preliminares sobre qualquer ocorrência policial de que tiver conhecimento, dando ciência imediata à Autoridade Policial, ainda que o fato não seja afeto a unidade policial em que estiver lotado, inclusive realizando medidas de isolamento dos locais de crime quando necessário;
  • coletar dados e impressões digitais para fins de identificação civil e criminal, quando determinado pela Autoridade Policial e nos casos previstos em lei;
  • investigar atos infracionais, por força do Estatuto da Criança e do Adolescente;
  • prestar todas as informações necessárias às chefias imediatas competentes da unidade policial;
  • conduzir viaturas policiais, embarcações fluviais, marítimas e pilotar aeronaves em razão de missões policiais, observada a devida habilitação;
  • participar de procedimentos disciplinares, conforme designação específica;
  • operar equipamentos de telecomunicações;
  • auxiliar na escrituração dos livros cartorários, procedimentos policiais e demais documentos;
  • classificar em ordem os procedimentos policiais, mandados, cartas precatórias e demais
    atos policias;
  • elaborar os relatórios e boletins estatísticos do órgão policial, bem como atualizar e analisar os bancos de dados de interesse da investigação policial;
  • realizar a vigilância, segurança e preservação do patrimônio do Estado destinado à Polícia Judiciária Civil, bem como cuidar para que haja o uso correto dos mesmos;
  • receber, registrar e selecionar previamente o expediente da unidade policial, conforme designação expressa e em assessoria a autoridade policial;
  • executar outras tarefas correlatas de natureza policial constantes do Código de Processo Penal, Código Penal e legislações extravagantes, observando os preceitos constitucionais;
  • manter o controle de inventário dos bens patrimoniais da unidade policial, promovendo carga e baixa dos mesmos;
  • providenciar o recolhimento, a movimentação, a disciplina e a vigilância, bem como a guarda de valores e pertences do preso, procedendo à escrituração no livro de registro, enquanto perdurar a custódia legal;
  • dirigir e coordenar os trabalhos de investigação, bem como dos servidores, quando na condição de Investigador-Chefe, designado preferencialmente, entre os de Classe Especial;
  • exercer a função de líder de equipe e outras definidas em lei ou regulamento

Requisitos para posse na PC MT

De acordo com as informações do edital, os requisitos básicos para investidura nos cargos são,
cumulativamente, os seguintes:

  • Não ter sido eliminado em nenhuma fase ou etapa deste Concurso Público;
  • ser brasileiro ou, em caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento de gozo de direitos políticos, nos termos do parágrafo 1°, artigo 12, da Constituição Federal;
  • estar quite com as obrigações eleitorais;
  • ser possuidor do Certificado de Dispensa de Incorporação ou Certificado de Reservista das Forças Armadas, ou outro documento oficial que comprove a quitação com o serviço militar obrigatório, para os candidatos do sexo masculino;
  • encontrar-se em pleno gozo de seus direitos políticos e civis;
  • não ter sofrido, no exercício de função pública, penalidade incompatível com nova investidura em cargo público;
  • comprovar por meio de diploma ou certificado de conclusão de curso superior, devidamente registrado, conforme requisito do cargo de inscrição, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, comprovado através da apresentação de original e cópia do respectivo documento, observado os subitens 2.1.6 e 2.2.6 deste Edital;
  • estar apto, física e mentalmente, não apresentando deficiência que o incapacite para o exercício das funções do cargo, fato apurado pela Perícia Médica Oficial a ser designada;
  • ter idade mínima de 21 (vinte e um) anos, na data da convocação para o curso de formação, e máxima de 45 (quarenta e cinco) anos até a data do encerramento das inscrições;
  • para o cargo de Investigador de Polícia, apresentar, por ocasião da posse, Carteira Nacional de Habilitação válida, na Categoria B, C ou D;
  • não acumular cargos, empregos ou funções públicas, salvo nos casos constitucionalmente admitidos;
  • apresentar declaração de bens e valores que compõem o patrimônio privado do candidato e, na hipótese de não possuir bens a declarar, o candidato deverá firmar declaração de que não possui patrimônio, sendo de sua inteira responsabilidade a veracidade das informações prestadas;
  • apresentar outros documentos que se fizerem necessários por ocasião da posse e matrícula no Curso de Formação.

Evolução salarial na PC MT

Abaixo, você confere a tabela com a estrutura remuneratória atualizada da Polícia Civil do Mato Grosso. O conteúdo está disponível também no Portal da Transparência do estado:

careira na pc mt

Confira a evolução salarial na PC MT.

O que estudar para o concurso da PC MT?

Estudar para um concurso público requer muito foco e dedicação. Para tanto, a nossa sugestão é de que você conte com o auxílio profissional de um curso para concurso.

Isso porque, contando com a experiência de professores especialistas em aprovação, você terá acesso somente ao conteúdo que poderá ser cobrado na sua prova, sem perda de tempo.

Prova disso é que no curso para concurso PC MT 2022 você estudará de forma otimizada, com videoaulas de, no máximo, 30 minutos de duração, em uma metodologia em formato de plano de estudos, que facilita a assimilação dos conteúdos mais relevantes.

Materiais gratuitos para o concurso PC MT

A fim de ajudar na sua preparação montamos diversos materiais gratuitos com os temas mais cobrados nas provas de concurso público, Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Exame do Conselho Federal de Contabilidade (CFC) e muitos outros materiais grátis! Dessa maneira, acesse o link acima e baixe o conteúdo gratuito agora mesmo.

Em especial, para o concurso da PC MT, separamos abaixo os conteúdos de temas mais cobrados, edital verticalizado e simulados, confira:

Temas mais cobrados PC MT

Nos temas mais cobrados, após uma minuciosa análise da banca e também com base no edital e nas estatísticas de incidência de questões, você ficará por dentro dos principais assuntos a serem cobrados em cada disciplina. Confira a lista de disciplinas:

  • Noções de Informática
    • Hardware
    • Windows 10
    • Redes de computadores
    • Navegadores (Browser)
  • Língua Portuguesa
    • Compreensão e Interpretação de Textos
    • Coesão e coerência
    • Sintaxe – Período Simples e Composto
    • Flexão verbal
  • Noções de Direito Administrativo
    • Licitação
    • Improbidade Administrativa – Lei 8.429/92
    • Atos administrativos
    • Processo Administrativo – Lei 9.784/99
  • Noções de Direito Constitucional
    • Direitos e deveres individuais e coletivos
    • Ordem Social
    • Controle de constitucionalidade
    • Teoria da Constituição
  • Noções de Direito Penal
    • Dos Crimes Contra a Administração Pública
    • Tipicidade
    • Dos Crimes Contra o Patrimônio
    • Dos crimes contra a vida
  • Noções de Direito Processual Penal
    • Inquérito policial
    • Das provas
    • Ação penal
    • Da Prisão e da Liberdade Provisória

Temas mais cobrados – Escrivão PC MT

Temas mais cobrados – Investigador PC MT

Edital verticalizado PC MT

Já o edital verticalizado traz a relação das disciplinas cobradas no conteúdo programático e seus referidos assuntos, de forma ordenada.

Edital verticalizado – Escrivão PC MT

Edital verticalizado – Investigador PC MT

Simulados PC MT

E por fim, o simulado traz questões sobre os conteúdos mais relevantes que estarão presentes na sua prova.

Simulado – Escrivão PC MT

Simulado – Investigador PC MT

Videoaulas gratuitas: língua portuguesa para concursos

Por aqui gostamos de otimizar o seu tempo de preparação. Por isso, trouxemos algumas videoaulas gratuitas para você dar o start nos estudos agora mesmo. Para começar, uma playlist de língua portuguesa com alguns dos temas mais cobrados em concurso público. Aprenda com a professora Carolina Santana e não erre mais!

Videoaulas gratuitas: Raciocínio Lógico para concursos

Além da língua portuguesa, outra matéria que tem presença garantida nas provas é o Raciocínio Lógico. Então, para te ajudar com essa disciplina trouxemos diversos conteúdos com explicações diretas ao ponto, porque sabemos que você não tem tempo a perder.

Então confira logo abaixo, a playlist completa do programa Matemática + Raciocínio Lógico que Cai na Prova com o professor Anderson Magalhães.

Além disso, ainda tem outra playlist completinha com o professor Braian Azael e seu jeito de simplificar o Raciocínio Lógico. Vem ver!

E para fechar os conteúdos dessa disciplina, ainda trouxemos um playlist com cinco videoaulas completas de raciocínio. Agora é com você!

Videoaulas sobre Noções de Informática

E se você quer gabaritar as questões de Noções de Informática precisa conferir as videaulas com a professora Kátia Quadros. Para aprender, é só dar o play no vídeo abaixo e seguir a sequência da playlist!

Questões concurso PC MT

Conhecer o estilo de cobrança da banca faz parte da sua preparação, por isso, responder questões de concursos anteriores, também é uma ótima forma de se preparar e simular o grande dia.

Com o Aprova Questões, você tem acesso a questões não só da UFMT, que é o organizador deste concurso como de milhares de outras bancas. Além disso, nós atualizamos o banco de perguntas diariamente, para que fiquem só questões com conteúdo atual e válido.

Desta forma, combinando o método de videoaulas com a resolução de questões, sua preparação fica ainda mais poderosa.

Questões banca UFMT

Resumo do concurso PC MT

  • Banca: UFMT
  • Inscrições: 12/01 a 24/01/22
  • Cargos: Escrivão e Investigador
  • Nível: superior
  • Vagas: CR
  • Remuneração: R$ 5.657,47
  • Prova: 20/02/22

Quando foi o último concurso da PC MT?

O último concurso PC MT aconteceu entre 2012 e 2013 sob organização da banca Funcab, com oferta de 600 vagas, sendo 150 para o cargo de Escrivão e 450 para Investigador de Polícia, ambos com exigência do nível superior.

O total de candidatos inscritos chegou a 16.103, sendo 2.547 para Escrivão (concorrência de aproximadamente 17 candidatos/vaga) e 13.556 para Investigador (30 candidatos/vaga).

Quanto as nomeações do último concurso PC MT, em resumo o número de candidatos nomeados nos concursos de 2013 e 2017 (Delegado) até o momento é o seguinte:

  • Escrivão: 191 candidatos nomeados, sendo que somente 1 não tomou posse.
  • Investigador: 906 candidatos nomeados, sendo que 19 não tomaram posse.
  • Delegado: 126 candidatos nomeados, sendo que 24 não tomaram posse.

No Portal da Transparência do Estado, é possível conferir a relação completa das nomeações na PC MT.

Sobre a PCMT

A Polícia Judiciária Civil do Estado de Mato Grosso é um órgão do sistema de segurança pública ao qual compete, nos termos do artigo 144, § 4º, da Constituição Federal e ressalvada competência específica da União, as funções de polícia judiciária e de apuração das infrações penais, exceto as de natureza militar.

A Diretoria Geral da PC MT está localizada na Avenida Coronel Escolástico, 346, bairro Bandeirantes, Cuiabá-MT. É possível entrar em contato com a Assessoria de Comunicação Social pelo telefone (65) 3613-5673 ou e-mail asscom@pjc.mt.gov.br. Mais informações podem ser acessadas no site https://www.pjc.mt.gov.br/

Outros concursos abertos no Mato Grosso

Além da Polícia Civil, o Mato Grosso divulgou mais 5 editais concursos segurança MT para aumentar o quadro de vagas na Polícia Militar (PM MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec MT) e Corpo de Bombeiros (Bombeiros MT).

Para conferir todas as informações desses outros editais, é só clicar aqui.

Concursos abertos e previstos

Veja os destaques dos concursos abertos e previstos e prepare-se com o Aprova Concursos! Há milhares de oportunidades abertas em diversas em Prefeituras, Tribunais, Polícias (Militar e Civil), e muito mais! E ainda, excelentes oportunidades serão ofertadas em breve em diversos concursos federais.

Prepare-se com o Aprova Concursos

Primeiramente, você ainda não possui nível superior? Aproveite, veja uma lista e escolha seu curso superior ead para ficar bem preparado e conquistar uma excelente vaga nos próximos concursos públicos! Os cursos de pedagogia e serviço social são boas opções para quem está em dúvida e deseja seguir uma carreira de sucesso.

Portanto, como você não tem muito tempo, precisa deixar as apostilas de lado e aprender com videoaulas. No Aprova, você tem acesso ao conteúdo que realmente será cobrado na prova dividido em videoaulas de 30 minutos.

Assim sendo, você aprende o tema proposto pelo professor sem que o processo se torne cansativo. E ainda, pode aproveitar os intervalos do seu dia para assistir a uma videoaula e ficar ainda mais perto da aprovação.

Por fim, é importante ressaltar que cada preparatório é específico para o certame e também para o cargo do seu interesse, como o curso OAB. Confira nosso curso para concurso!

Leia mais notícias

Inscreva-se no YouTube

Curta no Facebook

Siga no Instagram

Compartilhe com
seus amigos

Deixe seu Comentário

dez + 6 =

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO NOTÍCIAS E DICAS SOBRE CONCURSOS