Carregando...
Ir para o conteúdo principal

Questões de concursos

Confira várias questões de diferentes concursos públicos e responda as perguntas para testar o seu conhecimento.


Minhas questões:
Questões com:
Excluir questões:

Carregando...
Carregando...
Carregando...

Carregando...
Exibindo 241 a 255 de 263 questões. Salvar em Meus Filtros
Imprimir página - Exibindo 241 a 255
Questões por página:

Julgue os próximos itens, relativos a aspectos linguísticos e às ideias do texto CB2A2BBB.


Nesse texto, de natureza informativo-argumentativa, busca-se

convencer o leitor de que a integridade, como qualidade de

órgãos e entidades públicas, contribui para que os agentes do

serviço público atuem prevenindo a corrupção e em prol do

interesse público.

Carregando...

Campinas tem alerta após 10 casos de microcefalia

Por Inaê Miranda – publicado em 05/12/2015

O número de casos de microcefalia registrados

em Campinas chegou a dez, segundo informou na

última sexta-feira (4) a diretora do Departamento de

Vigilância em Saúde (Devisa), Brigina Kemp. Todos

os bebês nasceram em Campinas, mas três deles são

de mães moradoras de Sumaré.

Uma criança nasceu no mês de outubro, a segunda

no dia 3 de novembro e as outras oito nasceram nos

últimos dias — do final de novembro até ontem. A

média anual da doença até 2014 era de um registro, o

que torna os casos recentes uma preocupação para

os Serviços de Saúde da cidade. O município apura a

relação dos casos com o zika vírus.

No último sábado, o Ministério da Saúde confirmou

a relação entre o zika vírus e o surto de microcefalia

na região Nordeste do País. Até esta data, foram

notificados 1.248 casos suspeitos, identificados em

311 municípios de 14 unidades da federação. Até

então, São Paulo não figurava nesta lista e os únicos

dois casos registrados ocorreram em Sumaré e São

José do Rio Preto. Segundo a Secretaria Municipal de

Saúde, o vírus pode ter ocorrido na cidade sem que

as autoridades tenham conhecimento.

Segundo Brigina, Campinas está contabilizando

os casos dos três residentes de Sumaré porque os

bebês nasceram na cidade. "A gente notifica, avisando

que é de outro município e esse município também

é informado. As investigações iniciais ocorrem aqui

e, na hora que a criança tem alta, a investigação tem

continuidade na cidade onde ela reside", explicou.

Ela informou que as crianças nasceram nas redes

pública e privada, sendo que a maior parte foi na

Maternidade de Campinas. "Quase todos", disse.

Uma das mães é moradora de rua e usuária de crack.

"Mas todos os dez permanecem sob investigação

para o zika. Não confirmamos nenhum até agora, mas

também não descartamos."

A diretora do Devisa acrescentou que as mães

estão recebendo toda a assistência necessária. "Se

alguma mãe não tem condição de fazer a tomografia,

nós estamos fazendo."

Campinas tinha um caso de microcefalia por ano,

entre 2010 a 2014, causada por infecção congênita.

Sendo que em 2011 foram registrados quatro casos

de microcefalia por infecção congênita. "Mas a gente

acredita que esse era um número subnotificado.

Agora todos estão bem sensibilizados para fazer as

notificações", disse.

Segundo Brigina, esse aumento da notificação

pode estar relacionado com o alerta que foi dado pelo

Ministério da Saúde.

Múltiplas causas

A microcefalia não é uma doença nova. Trata-se de

uma malformação congênita, em que o cérebro não

se desenvolve de maneira adequada. "É quando você

mede a cabeça e vê que está menor do que deveria

ser para a idade gestacional em que o bebê nasceu",

explicou Brigina.

A especialista esclarece que a microcefalia pode

ser efeito de uma série de fatores de diferentes

origens. "Microcefalia não significa zika vírus.

É importante dizer isso para as pessoas não

relacionarem imediatamente esses 10 casos de

Campinas ao vírus", diz.

As causas, segundo ela, em geral são o uso

de drogas, medicamentos, cigarro, tabagismo,

bebida, traumatismo, falta de irrigação adequada da

cabeça do bebê durante a gestação, contato com

radiação, fatores genéticos e uma série de vírus ou

outros agentes infecciosos, chamados de infecção

congênita.

Segundo Brigina, o que tem causado a microcefalia

nas crianças é o que está em questão. "As notificações

chegaram para a gente e agora vamos investigar." De

acordo com ela, a investigação consiste num exame

de tomografia sem contraste, exames no sangue, na

urina e no líquor, que é um líquido do sistema nervoso

da coluna.

As tomografias estão sendo feitas em Campinas,

mas os exames estão sendo conduzidos pelo Instituto

Adolfo Lutz, na Capital. "Vai para o Lutz porque toda

doença sob vigilância e de importância para saúde

pública a gente tem que fazer num laboratório de

referência de saúde pública."

Vírus

Segundo as secretarias estadual e municipal

de Saúde, o vírus zika não está circulando em São

Paulo. Brigina, entretanto, não descarta que ele tenha

entrado no Estado e se mantém despercebido. "Só

posso dizer que tem uma possibilidade. E porque digo

que tem uma possibilidade? Porque o vírus circulou

amplamente no Norte e Nordeste, tem um percentual

de casos que não apresentam sintomas, e porque é

transmitido pelo mosquito Aedes aegypti."

Desde junho, Campinas organizou cinco unidades

sentinelas na tentativa de detecção precoce do zika

vírus. "A gente se organizou para tentar detectar,

mas isso não me dá garantia de dizer que não teve.

As pessoas circulam e viajam muito hoje em dia pelo

País."

(Fonte: http://correio.rac.com.br/_conteudo/2015/12/campinas_e_rmc/402739-campinas-tem-alerta-apos-dez-casos-de-microcefalia.html)

No excerto “(...) o cérebro não se desenvolve de maneira adequada.”, o “se” funciona como

Carregando...

Texto – A eficácia das palavras certas

Havia um cego sentado numa calçada em Paris. A seus pés, um

boné e um cartaz em madeira escrito com giz branco gritava:

"Por favor, ajude-me. Sou cego". Um publicitário da área de

criação, que passava em frente a ele, parou e viu umas poucas

moedas no boné. Sem pedir licença, pegou o cartaz e com o giz

escreveu outro conceito. Colocou o pedaço de madeira aos pés

do cego e foi embora.

Ao cair da tarde, o publicitário voltou a passar em frente ao cego

que pedia esmola. Seu boné, agora, estava cheio de notas e

moedas. O cego reconheceu as pegadas do publicitário e

perguntou se havia sido ele quem reescrevera o cartaz,

sobretudo querendo saber o que ele havia escrito.

O publicitário respondeu: "Nada que não esteja de acordo com o

conceito original, mas com outras palavras". E, sorrindo,

continuou o seu caminho. O cego nunca soube o que estava

escrito, mas seu novo cartaz dizia: "Hoje é primavera em Paris e

eu não posso vê-la". (Produção de Texto, Maria Luíza M. Abaurre

e Maria Bernadete M. Abaurre)

“Havia um cego sentado numa calçada em Paris. A seus pés, um boné e um cartaz em madeira escrito com giz branco gritava: “Por favor, ajude-me. Sou cego”. Um publicitário da área de criação, que passava em frente a ele, parou e viu umas poucas moedas no boné. Sem pedir licença, pegou o cartaz e com o giz escreveu outro conceito. Colocou o pedaço de madeira aos pés do cego e foi embora”. O texto pertence ao modo narrativo de organização discursiva, caracterizado pela evolução cronológica das ações. O segmento que comprova essa evolução é:

Carregando...

No que se refere aos sentidos e às características tipológicas do texto, julgue os itens que se seguem.

Dada a assinatura “O amigo das letras" (l. 31), é correto

concluir que o trecho publicado no Jornal do Comércio é uma

carta.

Carregando...

A descrição, quanto à estrutura e à organização do texto, está correta no seguinte enunciado:

Carregando...

No que se refere à tipologia e aos sentidos do texto CB8A1AAA, julgue os itens que se seguem.

O texto, predominantemente argumentativo, objetiva convencer o leitor de que decisões administrativas tomadas sem o recurso das audiências públicas carecem de legitimidade e transparência.

Carregando...

Julgue os próximos itens, relativos a aspectos linguísticos e às ideias do texto CB2A2BBB.

Nesse texto, de natureza informativo-argumentativa, busca-se

convencer o leitor de que a integridade, como qualidade de

órgãos e entidades públicas, contribui para que os agentes do

serviço público atuem prevenindo a corrupção e em prol do

interesse público.

Carregando...

Leia o texto, a seguir, e responda à questão.

De acordo com os recursos linguístico-semânticos do texto, considere as afirmativas a seguir.

I. No trecho “O grande objetivo é mudar a postura da sociedade em relação ao risco do uso do álcool ao volante", as aspas são usadas no texto por se tratar de um discurso direto.

II. No fragmento “Resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicada ontem", os parênteses foram usados para indicar a sigla da expressão anterior.

III. Em “Uma das principais mudanças foi estabelecer como infração dirigir sob “qualquer influência" de álcool", a expressão em destaque está entre aspas no texto por se tratar de uma metáfora.

IV. No fragmento “Sabemos que os acidentes não são reduzidos por decreto, mas é preciso dar um basta à violência no trânsito", as aspas são usadas no texto para realçar o argumento apresentado.

Carregando...

Sobre o tipo de narrador presente no texto I, podemos classificá- lo como:

Carregando...

Leia os excertos a seguir, retirados do texto I, e as observações sobre cada um deles. Em seguida, assinale a alternativa procedente.

I. As lágrimas diminuíam a testosterona em seu organismo, privando- o da natural agressividade do sexo masculino, transformando- o num cordeirinho. (3º parágrafo - Discurso direto, pois o narrador apresenta de forma clara e objetiva o que se passava com o personagem)

II. Uma ideia lhe ocorreu: e se tomasse injeções de testosterona? (4º parágrafo - Discurso indireto livre , na segunda oração, pois há elementos linguísticos que podem representar tanto a fala do narrador quanto a fala do personagem)

III. Decidido, foi à farmácia e pediu ao encarregado que lhe aplicasse a testosterona, mentindo que depois traria a receita. (5º parágrafo - Discurso indireto, marcado, linguisticamente, pela presença de verbos dicendi e de conjunções integrantes)

IV. É que eu tenho medo de injeção, ele disse, entre soluços. (5º parágrafo Discurso direto e indireto , pois o narrador conta a história em conjunto com o personagem)

Carregando...

Sobre o tipo de narrador presente no texto I, podemos classificá- lo como:

Carregando...

Sobre o tipo de narrador presente no texto I, podemos classificá- lo como:

Carregando...

O texto II é um fragmento de uma notícia, publicada pela Folha de São Paulo, cujo objetivo é divulgar para a população uma descoberta científica. Sendo assim, de acordo com a pretensa ideia da imparcialidade jornalística, o repórter que a redigiu deveria mantê- la isenta de comentários pessoais. Assinale a alternativa que representa uma utilização referencial da linguagem, própria do discurso jornalístico.

Carregando...

Leia o texto, a seguir, e responda à questão.

Sobre o texto, trata-se de

Carregando...

O texto II é um fragmento de uma notícia, publicada pela Folha de São Paulo, cujo objetivo é divulgar para a população uma descoberta científica. Sendo assim, de acordo com a pretensa ideia da imparcialidade jornalística, o repórter que a redigiu deveria mantê- la isenta de comentários pessoais. Assinale a alternativa que representa uma utilização referencial da linguagem, própria do discurso jornalístico.

Carregando...
GABARITO:

  • 241) Certo
  • 242) E
  • 243) D
  • 244) Errado
  • 245) C
  • 246) Errado
  • 247) Certo
  • 248) A
  • 249) E
  • 250) D
  • 251) E
  • 252) E
  • 253) C
  • 254) D
  • 255) C
  •  

Questões de concurso

Nesse texto você vai saber tudo sobre nosso site de questões de concurso, verá também questões de concurso por assunto, questões de concurso público com gabarito e muito mais! Com toda a certeza se você utilizar uma plataforma online, como a do aprova questões para responder questões de concurso, sua preparação ficará ainda melhor.

Responder questões de concurso

Em resumo é muito importante que ao se preparar para concursos, você comece pela leitura do edital para identificar dentro da bibliografia recomendada quais são os assuntos e temas que deverá estudar para conquistar sua vaga no serviço público. Feito isto, você pode optar por estudar com um curso online, de preferência que possua videoaulas e não apostilas, que expliquem e exemplifiquem todo o conteúdo. Optando por aprender o conteúdo de maneira online e com videoaulas, você poderá se preparar em qualquer lugar, e no horário que achar melhor conforme a sua rotina de trabalho ou de atividades que precisa realizar no dia a dia.

E depois que você já tiver lido e revisado todo o conteúdo, a melhor maneira de fixar tudo, testar e saber quais pontos você precisará dar mais atenção, é responder questões de concurso. Busque por concurso, assunto ou disciplina ou até mesmo pela última prova aplicada pelo órgão que você deseja ingressar. É possível também utilizar o filtro para selecionar tudo que já foi aplicado para o cargo que você deseja conquistar, selecionando ainda pelas bancas, também chamadas de organizadoras dos concursos públicos ou ainda pelo ano de aplicação das provas.

Da mesma maneira, você pode selecionar questões por instituição ou órgão público (por exemplo: Prefeituras, Secretarias Estaduais, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Tribunal de Justiça, Tribunal Regional Eleitoral, entre outros); ano de aplicação (desde 1996 até o ano atual); disciplina (Administração, Língua Portuguesa, Matemática, Economia, Antropologia, Artes, Direito do Trabalho, Filosofia, Biologia, e muitas outras); nível de escolaridade (fundamental, médio ou superior); modalidade (múltipla escolha, discursiva e certo/errado) e ainda área de formação (Agronomia, Engenharia Civil, Jornalismo, Ciência da Computação, Direito, Educação Física, Enfermagem, Medicina e muitas outras opções).

E ainda, se você deseja ver questões de concursos públicos com vídeo resposta fique sabendo que isso também é possível. Além de você ter acesso ao texto das questões, poderá ver uma explicação sobre o tema tratado, gravada especialmente para a nossa plataforma, por um professor especialista no assunto, tema ou disciplina descrito na pergunta que você selecionou para responder. Com certeza essa ferramenta auxiliará muito no entendimento do tema e contribuirá para você conquistar a tão sonhada vaga de servidor público em qualquer órgão, seja na esfera municipal, estadual ou até mesmo federal.

Questões de concurso por assunto

Primeiramente, é importante ressaltar que nosso banco de dados possui milhares de questões de concurso público com gabarito, perguntas dos mais diversos assuntos, a fermenta é atualizada diariamente! Isso mesmo, todos os dias nossos colaboradores inserem as questões dos últimos concursos públicos realizados. E, além das questões de concurso, você também pode visualizar as questões de todas as edições do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), Exame da Ordem dos Advogados (OAB) e Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade (CFC).

Por exemplo, se você estuda para concursos de nível fundamental poderá filtrar apenas questões de concurso por assunto que tratem sobre equações de primeiro grau, regra três, conjuntos numéricos e operações, regras de acentuação, pontuação, entre outros temas de matemática e língua portuguesa. Por outro lado, se o seu objetivo são os certames de nível médio, poderá selecionar questões sobre conhecimentos gerais, atualidades, sistemas operacionais, planilhas de cálculos, hardware e software, probabilidade, porcentagem, regência verbal, gêneros textuais, entre outros. E se o seu sonho é uma vaga de nível superior é importante treinar com questões de direito constitucional e administrativo, segurança da informação e da internet, política, economia, estatística, geometria, sintaxe, semântica e muitos outros assuntos.

Por fim, existe ainda a possibilidade de você inserir uma anotação, referente a questão de concurso público que você está respondendo. Isso facilita muito seu aprendizado, você conseguirá gravar com mais facilidade aquele assunto complicado que precisa de atenção. Essa ferramenta foi criada para que você consiga destacar e comentar tudo o que acha importante referente ao tema estudado. E não se preocupe, a anotação é pessoal e sigilosa, somente você terá acesso e poderá visualizar o que escreveu.

© Aprova Concursos - Al. Dr. Carlos de Carvalho, 1482 - Curitiba, PR - 0800 727 6282