Carregando...
Ir para o conteúdo principal

Questões de concursos

Confira várias questões de diferentes concursos públicos e responda as perguntas para testar o seu conhecimento.


Minhas questões:

Questões com:

Excluir questões:


Carregando...
Carregando...
Carregando...

Carregando...

Exibindo 1 a 9 de 9 questões.

Salvar em Meus Filtros
Imprimir página - Exibindo 1 a 9
Questões por página:
Q783331

“Causam menos dano cem delinquentes do que um mau juiz”; no caso dessa frase, o vocábulo MAU está corretamente grafado; a frase abaixo em que esse mesmo vocábulo deveria ser grafado com a forma MAL é:

Carregando...
Q751093

Instrução: A questão de refere-se ao texto abaixo. Os destaques ao longo do texto estão citados nas questões.

Qual das seguintes alternativas preenche, correta e respectivamente, as lacunas das linhas 09 e 14, considerando o contexto em que estão inseridas?

Carregando...
Q709496

Leia o texto, para responder à questão.

Na pronúncia, as palavras “mau” e “porque”, destacadas nos dois últimos parágrafos do texto, muitas vezes não se distinguem de “mal” e “por que”, o que acaba por refletir-se em emprego inadequado delas, na escrita. Assinale a alternativa em que essas palavras estão corretamente empregadas no contexto.

Carregando...
Q756653

Assinale a alternativa em que as palavras mal e mau estão corretamente empregadas no contexto.

Carregando...
Q709537

____entrou por aquela porta e já começou a espalhar o ____ por todas as direções e quem não o conhecia, não imaginava o quanto ele era____. A alternativa que preenche corretamente as lacunas acima é:

Carregando...
Q706867

A alternativa que preenche corretamente as lacunas é:

“_______você pensa que vai?____tirou o gesso que colocou ___uma semana e já quer sair? De modo algum e não quero nem saber o ________ de tanta pressa."

Carregando...
Q697821

Assinale a alternativa que contém as palavras adequadas para completar as lacunas:

____você vai agora?

Não saí no sábado ____estava sem dinheiro.

João está sempre ____-humorado.

____não tem nada para conversar.

Carregando...
Q492042

Crônica

Como o povo brasileiro é descuidado a respeito de alimenta-

ção! É o que exclamo depois de ler as recomendações de um

nutricionista americano, o dr. Maynard. Diz este: “A apatia, ou indiferença,

é uma das causas principais das dietas inadequadas."

Certo, certíssimo. Ainda ontem, vi toda uma família nordestina estendida

em uma calçada do centro da cidade, ali bem pertinho do

restaurante Vendôme, mas apática, sem a menor vontade de entrar

e comer bem. Ensina ainda o especialista: “Embora haja alimentos

em quantidade suficiente, as estatísticas continuam a demonstrar

que muitas pessoas não compreendem e não sabem selecionar os

alimentos". É isso mesmo: quem der uma volta na feira ou no supermercado

vê que a maioria dos brasileiros compra, por exemplo,

arroz, que é um alimento pobre, deixando de lado uma série de

alimentos ricos. Quando o nosso povo irá tomar juízo? Doutrina

ainda o nutricionista americano: “Uma boa dieta pode ser obtida de

elementos tirados de cada um dos seguintes grupos de alimentos: o

leite constitui o primeiro grupo, incluindo-se nele o queijo e o sorvete".

Embora modestamente, sempre pensei também assim. No entanto,

ali na praia do Pinto é evidente que as crianças estão desnutridas,

pálidas, magras, roídas de verminoses. Por quê? Porque

seus pais não sabem selecionar o leite e o queijo entre os principais

alimentos. A solução lógica seria dar-lhes sorvete, todas as crianças

do mundo gostam de sorvete. Engano: nem todas. Nas proximidades

do Bob´s e do Morais há sempre bandos de meninos favelados

que ficam só olhando os adultos que descem dos carros e devoram

sorvetes enormes. Crianças apáticas, indiferentes. Citando ainda o

ilustre médico: “A carne constitui o segundo grupo, recomendandose

dois ou mais pratos diários de bife, vitela, carneiro, galinha, peixe

ou ovos". Santo Maynard! Santos jornais brasileiros que divulgam

as suas palavras redentoras! E dizer que o nosso povo faz ouvidos

de mercador a seus ensinamentos, e continua a comer pouco, comer

mal, às vezes até a não comer nada. Não sou mentiroso e

posso dizer que já vi inúmeras vezes, aqui no Rio, gente que prefere

vasculhar uma lata de lixo a entrar em um restaurante e pedir

um filé à Chateaubriand. O dr. Maynard decerto ficaria muito aborrecido

se visse um ser humano escolher tão mal seus alimentos.

Mas nós sabemos que é por causa dessas e outras que o Brasil não

vai pra frente.

CAMPOS, Paulo Mendes. De um caderno cinzento. São Paulo:

Companhia das Letras, 2015. p. 40-42.

A palavra mal tem valor semântico de intensidade na seguinte frase:

Carregando...
Q32603

O emprego da palavra/expressão destacada está INCORRETO em:

Carregando...
GABARITO:

  • 1) C
  • 2) C
  • 3) B
  • 4) E
  • 5) E
  • 6) B
  • 7) E
  • 8) C
  • 9) A
  •  
© Aprova Concursos - Al. Dr. Carlos de Carvalho, 1482 - Curitiba, PR - 0800 727 6282