Post-motivacional_20140130-op2– A banca não cobrou nada do que estava no edital.
– Os concorrentes eram muito inteligentes, não tinha como competir.
– O professor não sabe dar aula.
– Só consegue passar no concurso quem larga tudo para estudar.
– Eu não tenho tempo.
– O material de estudo não era bom o suficiente.
– Minha família não me apoia.

Alguma vez você já disse ou pensou algo parecido? Provavelmente, sim. Temos uma tendência a colocar a culpa de nossos próprios fracassos nos outros, de transferir a responsabilidade, que é nossa, para o outro.

Ao dizer isso, não queremos que você se sinta ainda mais culpado, não é isso. Mas é que, a partir do momento em que batemos no peito e assumimos que a responsabilidade de passar em um concurso é exclusivamente nossa, parece que uma luz surge no final do túnel e as coisas começam a clarear.

Quem decidiu fazer um concurso foi você, quem quer passar é você, quem tem que se preparar é você. Portanto, pare de colocar a culpa nos outros e prepare-se para, junto com os estudos, driblar os empecilhos que podem aparecer no caminho.

É claro que ter o apoio da família, contar com um material de estudo adequado, ter aulas com bons professores, ter um tempo maior para estudar, são fatores que contribuem durante a preparação. Mas, certamente, não é isso que irá fazer com que você seja aprovado.

Se o tempo para estudo é escasso, reveja seu planejamento, estabeleça metas de médio e longo prazo para que você consiga se preparar melhor. Se em casa a família não colabora, tente estudar em uma biblioteca ou procure grupos de estudo. Não dependa exclusivamente dos materiais de estudo que você já tem, resolva questões e busque o máximo de conhecimento que puder acerca dos assuntos do edital. Leia e releia tudo o que estiver disponível no site do órgão que você pretende ingressar, isso irá ajudar muito. Corra atrás!

Converse com algum concursado e você verá que ele teve dificuldades muito parecidas com as suas e ainda assim conseguiu superá-las. Então, deixe as desculpas de lado e descubra o seu valor, o seu potencial.

O esforço vai valer a pena, acredite!

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *