Imagine se diariamente, após dormir, você simplesmente não recorde de nada do que aconteceu no dia anterior e o revivesse. Agora imagine se apaixonar por uma pessoa que sofre com esse mal e precise conquistá-la todos os dias, uma vez que ela não se lembrará de sua existência já na manhã seguinte. Esse é um resumo bem resumido mesmo do que acontece na comédia-romântica “Como Se Fosse a Primeira Vez”.

Henry Roth, interpretado por Adam Sandler, é um veterinário especializado em animais marinhos que vive no Havaí e tem fama de mulherengo. Certa vez, em um café, conhece Lucy Whitmore, personagem de Drew Barrymore, que num primeiro momento seria apenas mais uma paquera, mas para sua surpresa acaba se tornando uma paixão avassaladora.

O que Henry não sabe é que Lucy tem uma síndrome fictícia chamada de Goldfield, surgida após sofrer um acidente de carro, que faz com ela não se lembre de absolutamente nada do que aconteceu no dia anterior, inclusive, é claro, de Henry. O rapaz descobre isso ao chegar novamente ao café, onde haviam combinado o reencontro, e se deparar com a tristeza de sua amada não fazer ideia de quem ele seja.

Aí começa a saga de Henry, em busca da dura missão de fazer com que Lucy se apaixone por ele diariamente, “Como Se Fosse a Primeira Vez”.

Trailer de “Como Se Fosse a Primeira Vez”

Tenha um gostinho de como é o filme e fique com ainda mais vontade de assistir (ou assistir novamente pela vigésima vez):

Baseado em um caso real

Sim, “Como Se Fosse a Primeira Vez” é baseado em um caso real vivido pela inglesa Michelle Philpots, atualmente com 56 anos, que todos os dias ao acordar precisa ser convencida por seu marido de que são casados. Todas as manhãs ele mostra o álbum de casamento, foto por foto, para só então acreditar e aceitar que aquele homem ao seu lado é seu esposo há 22 anos.

No caso de Michelle, a condição se deu após sofrer lesões cerebrais em decorrência de dois acidentes. Ela lembra de tudo acontecido até uma determinada data de 1994, mas daí em diante, tudo o que acontece no dia anterior é simplesmente esquecido.

De que forma “Como Se Fosse a Primeira Vez” pode te ajudar nos estudos?

Guardadas as devidas proporções, a situação vista no filme pode sim ser vivida por qualquer concurseiro, mas claro, sem precisar sofrer com nenhuma síndrome. Pense em um seguinte cenário: você estudou determinado conteúdo em um dia e precisa recordá-lo no dia seguinte, e no seguinte, e no seguinte… até que chegue o dia da prova. Opa, mas nós já conhecemos isso, chama-se “revisão”. E tem gente que, acredite, ainda não dá a devida importância a essa prática.

Assim como Henry precisou dia após dia conquistar o amor de Lucy na ficção, e o marido de Michelle precisa também fazê-lo, mas na vida real, a conquista da sua sonhada vaga em concurso público deve acontecer diariamente. Portanto, sempre revise o que estudou, dessa forma você certamente irá se lembrar de rigorosamente tudo ao responder as provas.

Mas a lição também vale para os casos de frustração. Se você não foi aprovado em um concurso, ou em dois, ou em quantos sejam, não desista! Esqueça completamente essas experiências ruins, elas simplesmente não aconteceram. Trate o próximo concurso como se fosse o primeiro e, pode ter certeza, você irá conquistar a sua vaga.

Persistência faz toda diferença, seja qual for o seu objetivo.

 

Veja mais notícias no blog do Aprova Concursos

INSCREVA-SE NO CANAL DO APROVA E ACOMPANHE NOVIDADES SOBRE O ENEM

Curta no Facebook a página do Aprova! Siga também nosso perfil no Instagram

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *