Exercícios físicos te ajudam na hora de estudar pois propiciam benefícios psicológicos, como a melhora na autoconfiança, no estado de alerta mental e alívio de transtornos do humor.

Saiba como os exercícios físicos podem ajudar

Quem pratica exercícios físicos com frequência com toda a certeza possui maior sensação maior de bem-estar. Isso acontece devido a uma combinação de fatores, entre eles a redução do estresse e uma atitude mental mais positiva.

Portanto, aquela máxima “corpo são, mente sã” é real! No texto a seguir vamos descrever como esse processo acontece.

Após a liberação da tensão e da ansiedade, o corpo sente um estado de relaxamento, que propicia um bem-estar e até euforia. Para explicar essa elevação do humor existem três teorias principais:

  • – “Euforia do corredor”: o exercício prolongado libera no cérebro as endorfinas, ou seja, substâncias químicas que elevam o humor.
  • – Termogênicos: níveis baixos de tensão estão relacionados a um aumento da temperatura corporal, que, por sua vez, afeta as ondas cerebrais.
  • – Neurotransmissores: os exercício físicos ampliam a sensibilidade dos receptores cerebrais de serotonina, fazendo com que eles sejam mais eficazes na redução da dor.

 

Inegavelmente, além do efeito sobre o estado emocional, exercício físicos regulares promovem também um aumento da autoestima, já que auxiliam na melhora da imagem corporal e aumento da autoconfiança.

Portanto, ao se sentir capaz por completar alguns exercícios físicos e desenvolver habilidades, adquire-se estabilidade emocional e autossuficiência que com toda a certeza ajudarão nos estudos para os próximos concursos públicos.

Cuidado com o estresse

Já o estresse, apesar de ser um fenômeno psicológico, ele também possui efeitos físicos claros. Certo grau de estresse é inevitável e pode até ajudar servindo como estímulo para maiores conquistas. Além disso, também melhora o desempenho físico, com a aceleração do metabolismo. No entanto, se o estresse se tornar crônico, os níveis de excesso são prejudiciais e capazes de causar doenças físicas até mesmo fatais.

Em uma situação estressante, a adrenalina e a noradrenalina são liberadas, dando energia extra. Há aumento na frequência cardíaca e na pressão arterial, o fígado lança glicose para produção de energia e todos os sentidos se aguçam, já que o corpo passa por um estado de vigilância extrema. Entretanto, essas mudanças fisiológicas requerem uma resposta física. Dessa maneira, quando o estresse não é liberado, pode acabar gerando danos físicos e tensão mental.

A longo prazo o estresse pode ainda pode enfraquecer o sistema imunológico, deixando-o propenso a infecções, levando à depressão. Isto ocorre porque a ansiedade e fadiga afetam o equilíbrio das substâncias químicas cerebrais.

Exercícios físicos para aliviar o estresse

Com certos exercícios físicos e interação social é possível aliviar o estresse e até mesmo algumas formas de depressão. Especialistas recomendam aulas das seguintes modalidades em grupo:

  • – ioga;
  • – natação;
  • – ginástica;
  • – dança.

Você até pode se exercitar sozinho, mas frequentar aulas em grupo é uma excelente maneira de fazer amizades com objetivos em comum. Ao fazer parte de um grupo você pode se conscientizar de que há muitas pessoas com ambições similares às suas. E ainda, a presença e o encorajamento dos outros ajudará na sua motivação ao realizar exercícios físicos.

Playlist para fazer exercícios físicos

Para ajudar os concurseiros não só na hora dos estudos, mas também nos intervalos entre um período e outro de muita concentração, disponibilizamos no Spotify uma playlist especial! Ouça:

Com informações da Revista Seleções

Veja mais notícias no blog do Aprova Concursos

INSCREVA-SE NO CANAL DO APROVA E ACOMPANHE AS NOVIDADES SOBRE O ENEM

Curta no Facebook a página do Aprova! Siga também nosso perfil no Instagram

Publicado em 12/02/2020

Comente

Uma resposta para “Exercícios físicos: saiba como eles podem ajudar na hora de estudar!”

  1. Andreia Teixeira disse:

    Adorei as dicas! Muito obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *