Premiado com o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, “A Vida dos Outros” acompanha um dramaturgo alemão que vive no lado oriental da Alemanha e começa a ser vigiado em virtude de uma suspeita de traição. Surpreendentemente, o agente do serviço secreto designado para espioná-lo acaba fascinado pela sua vida e pelas pessoas que fazem parte dela.

Em resumo, a trama fala sobre os sistemas de vigilância e perseguições políticas da polícia secreta comunista em uma Alemanha dividida. Em 2019 esse filme é muito importante, visto que chegamos a um marco: os 30 anos da queda do Muro de Berlim, fato que se concretizará amanhã (9 de novembro).

Antes de mais nada, confira o trailer legendado de “A Vida dos Outros”:

Realidade virtual traz o Muro de Berlim de volta

a vida dos outrosUm ônibus lotado se aproxima do Checkpoint Charlie, por certo, o posto fronteiriço mais famoso da Guerra Fria. Nesse meio tempo, dois guardas da Alemanha Oriental com cara de poucos amigos decidem se param ou não o veículo para interrogar os passageiros.

Ao passo que, após minutos de tensão, você e os outros passageiros ficam livres para cruzar para a cinza e sombria Berlim Oriental dos anos 1980.

Só para ilustrar, o muro caiu há 30 anos e viajar no tempo ainda é impossível. Assim sendo, a TimeRide Berlim (especializada em realidade virtual) está oferecendo viagens históricas para a Berlim Oriental da época.

Clique aqui e leia a notícia completa no site da AFP

Casos inacreditáveis da polícia secreta na Alemanha

Semelhantemente, a Revista Superinteressante divulgou algumas histórias de como a Alemanha Oriental vigiava e perseguia seus próprios cidadãos com a Stasi, a polícia secreta do governo comunista

De acordo com a publicação, os alemães orientais estavam acostumados à ostensiva vigilância por meio de microfones camuflados, câmeras fotográficas, vídeos e milhares de colaboradores. Agentes eram colocados em tempo integral nas fábricas para reportar tudo o que acontecia.

Sobretudo, em 1989, a Stasi empregava 90 mil agentes e mantinha 175 mil informantes para monitorar 17 milhões de habitantes. Ou seja, havia um espião para cada 63 habitantes. Portanto, o que chama atenção é a constatação de que amigos, colegas de trabalho, de faculdade e até familiares delatavam seus pares.

Nesse meio tempo, a deputada federal Vera Lengsfeld descobriu que a polícia sabia até que marca de sabonete ela usava. As informações eram repassadas por 49 informantes que a monitoravam. Inesperadamente, entre eles o próprio marido dela, pai de seus dois filhos. Vera acabou encarcerada na prisão de Hohenschönhausen, hoje transformada em museu.

A história é parecida com a do ator Ulrich Muehe, protagonista do filme A Vida dos Outros. Da mesma forma, Muehe, morto há alguns anos de câncer no estômago, também descobriu que sua ex-mulher havia repassado informações sobre ele durante os 6 anos de seu casamento.

Clique aqui e leia a reportagem completa.

Tema de “A Vida dos Outros” em questões de concurso

A fim de te deixar bem informado para as próximas provas, veja a seguir questões que foram cobradas em concurso e tratam do tema encenado em “A Vida dos Outros”:

Questão da Fundatec

Assim sendo, a primeira, foi aplicada em 2018 para o cargo de Professor de História, da Prefeitura de Mampituba, no Rio Grande do Sul:

As relações de poder entre as potências mundiais sistematizou na história várias consequências, entre elas, em 1989, a queda do Muro de Berlim e, em 1991, o fim da União soviética. Esses dois fatos históricos são conhecidos como:

a) O fim do socialismo.
b) O início do Neoliberalismo.
c) O início da Guerra Fria.
d) A renovação do capitalismo.
e) O término oficial da Guerra Fria.

Clique aqui e responda no Aprova Questões!

Questão da UFG

Da mesma forma, a segunda, também foi aplicada em 2018, para os cargos de nível superior da AparecidaPrev:

a vida dos outros

Quanto à imagem retratada, o texto 2 apresenta a queda do muro de Berlin como uma

a) ação política, irresponsável e sem limites.
b) ação histórica decorrente da força física.
c) pequena fenda cuja transposição é impossível.
d) grande vitória, sem distinção de vencido ou vencedor.

Clique aqui e responda no Aprova Questões!

Questão da CPCON

Por fim, a terceira pergunta apareceu no concurso da Prefeitura de Serra Branca – na Paraíba, para o cargo de Agente de Saúde:

Analise as proposições a seguir.

I- No dia 9 de novembro de 1989, após o sistema socialista entrar em crise no Leste da Europa, e com o fim deste sistema na Alemanha Oriental, cidadãos foram às ruas comemorar e ajudaram a derrubar o muro de Berlim.

II- A queda do Muro de Berlim, além de representar o fim da separação da Alemanha, simbolizou também o fim da Guerra Fria e o começo da reintegração alemã.

III- A partir de 3 de outubro de 1990, as duas Alemanha, duas nações independentes, se uniram com uma fusão econômica, monetária e política. A antiga Alemanha Oriental, que era socialista, adotou o capitalismo abolindo a propriedade estatal dos meios de produção e integrando a sua população ao novo sistema legal, trabalhista e social da antiga Alemanha Ocidental.

Está CORRETO o que se afirma em:

a) I apenas.
b) I e II apenas.
c) II e III apenas.
d) I, II e III.
e) II apenas.

Clique aqui e responda no Aprova Questões!

Veja mais notícias no blog do Aprova Concursos

INSCREVA-SE NO CANAL DO APROVA E ACOMPANHE NOVIDADES SOBRE O ENEM

Curta no Facebook a página do Aprova! Siga também nosso perfil no Instagram

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *