Aprova Concursos - Blog

Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Como funciona o ProUni? Saiba tudo sobre o programa e as bolsas

Publicado em 13 de maio de 2019 por - Comentar

O Programa Universidade para Todos é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) e oferece bolsas em universidades de todo o país. Para você ficar por dentro, hoje vamos te explicar como funciona o ProUni, quem pode se inscrever, quais são os requisitos exigidos e muito mais.

 

Como funciona o ProUni?

As bolsas oferecidas podem ser integrais, de 100%, ou parciais (50%). Para participar é preciso preencher três requisitos para o ProUni ligados a: nota do ENEM, formação do Ensino Médio e renda familiar. Acompanhe abaixo as explicações sobre cada um desses tópicos.

 

Usar a nota do ENEM no ProUni

Não há uma prova específica do ProUni, mas o programa leva em consideração a nota do último Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). O candidato precisa alcançar uma média maior que 450 pontos e não pode ter zerado a redação.

Ou seja, se o seu foco é estudar em uma universidade particular, mas não pode pagar as mensalidades cobradas pelas faculdades, essa é a sua melhor solução. Mas, o seu foco de preparação precisa estar voltado para o Exame Nacional do Ensino Médio. Para dar o start nos seus estudos, confira um post sobre o que estudar para o ENEM 2019.

 

Formação de Ensino Médio

A segunda condição é que você se encaixe em pelo menos uma das condições abaixo:

– Ter feito o Ensino Médio em escola pública;

– Ter sido bolsista integral de instituição particular no Ensino Médio;

– Ser professor em exercício da rede pública de ensino básico, estar no quadro permanente da instituição e estar concorrendo a uma vaga em curso de licenciatura ou pedagogia;

– Possuir deficiência.

 

Como funciona a renda familiar para o ProUni?

Para concorrer é preciso que o candidato também tenha renda familiar bruta mensal menor ou igual a três salários mínimos por pessoa. O valor do salário mínimo nacional é de R$ 998, sendo assim o valor seria de R$ 2.994,00 por pessoa.

Funciona assim, o valor máximo de três salários mínimos por pessoa é para aqueles que querem se candidatar a uma bolsa parcial de 50%. Se você está se perguntando como concorrer a um bolsa integral do ProUni, fique sabendo que a renda pode ser de no máximo um salário mínimo e meio por pessoa, ou seja, R$ 1.497,00.

 

Qual a documentação necessária para o ProUni?

Para se inscrever no ProUni, você precisará dos seguintes documentos:

Documentos de identificação do candidato e dos membros do grupo familiar
• Carteira de Identidade fornecida por órgãos de segurança pública das unidades da Federação; ou
• Carteira Nacional de Habilitação, novo modelo, no prazo de validade; ou
• Carteira do Trabalho e Previdência Social (páginas com foto e dados pessoais).

Comprovantes de residência
• Contas de água, gás, energia elétrica ou telefone (fixo ou móvel).

Comprovantes de rendimentos
• Holerite ou Contracheque

Histórico escolar do Ensino Médio
• (Caso tenha sido bolsista em escola particular no ensino médio, incluir declaração da escola atestando que estudou na condição de bolsista.)

Boletim do ENEM

 

Inscrições ProUni

As inscrições para a primeira edição do ProUni de 2019 já estão encerradas, mas em junho devem ser liberadas as inscrições para a segunda edição do programa. Então, vamos te ensinar a fazer a inscrição agora mesmo, mas lembramos que ela ainda não está liberada.

Primeiro, é importante frisar que o MEC estabelece apenas quatro dias para se inscrever, então é bom ficar de olho para não perder esse prazo. O edital do ProUni é divulgado pelo Governo Federal no site oficial do programa, então quando entrarmos no mês de junho é interessante fazer uma consulta diária no portal. Assim que acessar o site, será solicitado seu CPF, número de inscrição do último ENEM e a senha cadastrada no exame.

Após realizar o login, você precisará responder um questionário com cinco perguntinhas. Essas questões envolvem sua cor, se é deficiente, tipo de escola que estudou, se é professor de rede pública e se possui matrícula em alguma instituição de ensino superior. Tudo isso, só para confirmar se você se encaixa nos requisitos que citamos anteriormente.

Já no momento da inscrição, você deverá informar sua renda bruta mensal e os dados pessoais e financeiros de cada membro da família. Em seguida, você escolherá sua primeira opção de curso. Você pode pesquisar pelo nome da instituição, município ou curso. Assim, saberá o turno, a quantidade de vagas para cotas e ampla concorrência de cada curso. E repetirá os mesmo passos para escolher a segunda opção.

 

Preparação para o ENEM 2019

E já que o ENEM é essencial para você garantir sua participação no ProUni, comece agora mesmo sua participação. No Aprova, você estuda apenas os conteúdos que realmente são cobrados nas provas! Aqui, você aprender com explicações diretas ao ponto e videoaulas de apenas meia hora de duração.

 

ESTUDE PARA O ENEM COM O APROVA

Para mais informações ligue 0800 606 8889

 

Pra sentir o gostinho do jeito Aprova de te ensinar, separamos um vídeo em que o professor Braian Azael conta tudo o que você precisa saber sobre as operações básicas da matemática.

 

 

 

Veja mais notícias no blog do Aprova Concursos

INSCREVA-SE NO CANAL DO APROVA E ACOMPANHE AS NOVIDADES SOBRE CONCURSOS PÚBLICOS

Curta no Facebook a página do Aprova! Siga também nosso perfil no Instagram


Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *