Aprova Concursos - Blog

Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Câmara analisará projeto que exige nível superior para ministro

Publicado em 26 de julho de 2016 por - Um Comentário

camara-deputadosEstá em análise na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 4727/16, do deputado Bruno Covas (PSDB-SP), para obrigatoriedade de todos os ministros de Estado possuírem diploma de nível superior.

Covas argumenta que a informação tem o poder de desencadear ações de sucesso, essenciais à criação e permanência das organizações no mercado. Quanto mais conhecimento, afirmou o parlamentar, maiores as chances de criar, planejar, controlar, solucionar ou oportunizar o momento. “É disso que o País precisa: pessoas capazes de produzir com efetividade, detentoras de know how para o desenvolvimento”, afirma.

Em caso de aprovação do texto, a nova lei será aplicada também aos ministros já empossados. Atualmente, de acordo a Constituição, os ministros de Estado devem ser brasileiros maiores de 21 anos de idade e no exercício dos direitos políticos.

A proposta será analisada ainda pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Com informações da Agência Câmara Notícias


Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Um comentário

  • Eduardo

    Nunca vai passar esse projeto porque no Brasil ao invés de lutarmos para todo mundo se qualificar, para todo mundo conseguir sua formação, sua graduação, etc, nós preferimos nivelar por baixo, nós preferimos dizer que um analfabeto sem educação tem mais condições de liderar um país e ter boas ideias do que alguém com estudo, com conhecimento e experiência na área. O politicamente correto no Brasil prega que nivelar por baixo é sinônimo de ter respeito, de ser solidário com quem, mais humilde, nunca teve condições de pagar por uma educação de qualidade ou quem nunca lhe teve muito apreço. O “socialismo brasileiro” prega que todos devem ser pobres e estúpidos para serem iguais. Em resumo, nós gostamos de ser ignorantes e lutamos para manter nossa ignorância! Sendo assim, não nos perturbe!

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *