goiasDe acordo com informações da assessoria do governador Marconi Perillo (PSDB) está prevista a criação de 3 mil novas vagas para reforçar os efetivos das polícias Civil e Militar no estado de Goiás. Segundo publicação do G1 os detalhes sobre os certames serão divulgados após reunião de força-tarefa, prevista para hoje a tarde, em Goiânia.

Do total de oportunidades, 2.500 seriam para policiais militares e 500 para civis. Os concursos têm previsão para ocorrer ainda neste semestre, para que os aprovados passem pelo curso de formação e estejam na ativa até o fim deste ano.

Foi definido ainda que os integrantes da ação “Goiás com Vida, Cruzada pela Paz” que são os comandantes do policiamento, integrantes dos poderes Legislativo, Executivo, Judiciário, do Ministério Público de Goiás e da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás, se encontrarão uma vez por mês para debater medidas contra a violência.

O governo também efetuou troca de comandos na Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária de Goiás (SSP-GO), que passou a ser chefiada pelo vice-governador José Éliton (PSDB), e também das polícias Civil, cujo novo delegado geral é Álvaro Cássio dos Santos, e Militar, comandada agora pelo coronel Divino Alves de Oliveira.

Últimos concursos
Na Polícia Civil do Estado de Goiás (PC GO) o último certame ofereceu 100 vagas para o nível superior no cargo de Papiloscopista. A remuneração era de R$ 3,3 mil e as provas foram realizadas em março de 2015.

A Polícia Militar de Goiás (PM GO) realizou em 2012 seu último concurso, a oferta era de 1.180 vagas para os Cursos de Formação de Oficiais e de Praças, com as oportunidades distribuídas entre os postos de Soldado – Combatente (1.050), Soldado – Músico (50), Cadete (60), Oficial da Saúde – Médico (10), Oficial da Saúde – Odontólogo (8) e Oficial da Saúde – Psicólogo (2). A remuneração oferecida era de R$ 2.971,95 a R$ 6.503,07.

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *