seed prA secretária de Estado da Educação do Paraná, professora Ana Seres, reuniu-se na semana passada com o presidente do sindicato dos professores, Hermes Leão, e outros representantes da entidade, para debater temas da área, como novos concursos públicos para professores e funcionários de escolas, distribuição de aulas, dobra de padrão, plano de carreira e piso da categoria, além de convênios e obras.

Na abertura da reunião, a secretária anunciou que em 2016 já foi solicitada à Diretoria Geral da Secretaria e ao RH a realização de estudos sobre concursos públicos para professores e agentes I (merendeiras e serviços gerais, por exemplo) e II (funcionários da secretaria da escola e biblioteca).

“Já iniciamos as conversas com o gabinete do governador, outros secretários e com deputados sobre a realização de mais concursos”, disse Ana Seres. Para agente II seriam, a princípio, 3 mil vagas, e já tramita o protocolo para a seleção de pessoal. Em relação aos agentes I (4 mil vagas), a tramitação será ainda iniciada.

Outro anúncio feito foi sobre o resultado da avaliação médica dos 344 remanescentes do último concurso que estão sendo chamados agora. Por enquanto, o concurso de 2013 para professores da rede pública estadual teve a validade prorrogada por mais dois anos.  A alteração do regime de trabalho neste ano, com a oferta da dobra de padrão (de 20h para 40h) dos educadores, também foi confirmada pela secretária.

O sindicato da categoria defendeu novo debate sobre o piso, que nacionalmente é de R$ 2,1 mil. A secretária sugeriu que seja então rediscutido o plano de cargos vigente no Paraná. “Vamos rediscutir também o auxílio-transporte, evitando distorções”, disse. No Paraná, um professor concursado em início de carreira no magistério recebe atualmente remuneração mensal de R$ 3,6 mil, para jornada de 40 horas semanais. São R$ 2,8 mil de salário, mais R$ 800 de auxílio-transporte, o que totaliza a remuneração de R$ 3,6 mil. Esse valor supera em R$ 1,5 mil o novo piso nacional da categoria. “Nosso ingresso é licenciatura plena”, explicou a secretária.

Com informações da SEED PR

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *