Aprova Concursos - Blog

Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

ENEM e o raciocínio nas questões de História

Publicado em 27 de janeiro de 2015 por - Comentar

Existe um certo engano, que muitos alunos fazem ao estudar as matérias de Humanas, acreditando que apenas obtendo o conteúdo , o capacita a executar exames e provas, e no caso do ENEM , a situação é a mesma.

Se partirmos do pressuposto que você tem um conteúdo e que por mais que você o domine, se não souber usa-lo, seria o mesmo que não saber o conteúdo. Seria como se tivesse um Capital em mãos sem saber como investi-lo.

Hoje , o raciocínio é levado em muito em conta o domínio da linguagem, isso para a compreensão de qualquer questão elaborada pela Banca , sobre a História, se deseja obter do Candidato,sua interpretação, do tempo Histórico, Fenômenos e a capacidade de compreender a diferença dos períodos e processos diferentes ao longo do tempo.

Vejam exemplos de algumas provas e seus objetivos:

 

Questão 21 da prova do ENEM de 2011 referente à República no Brasil

Questão 21 da prova do ENEM de 2011 referente à República no Brasil

É possível perceber a comparação entre dois momentos distintos da história republicana brasileira, o primeiro durante a Proclamação da República, em 1889, e o segundo com a Revolução de 1930. Há nessa questão algumas competências – ou seja, a capacidade de articular saberes e conhecimentos para avaliar uma informação – que o candidato deve ter para avaliar a questão.

Porém , não podemos nos esquecer, que é vital, a compreensão dos enunciados para , assim avaliar de forma correta as afirmativas, e conseguir , encontrar a alternativa correta.

Assim, o sucesso para a conquista da tão sonhada vaga pode ser , aos poucos facilitadas com o estudo correto , aqui fica uma dica, e logo, logo estarei publicando mais dicas


Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *