Estudos brasileiros identificam moléculas da peçonha de vespas capazes de frear o avanço da doença de Parkinson e inibir convulsões da epilepsia. Substâncias mostraram resultados promissores em testes com camundongos sem gerar efeitos colaterais significativos.

Por: Sofia Moutinho

Publicado em 01/09/2014 | Atualizado em 01/09/2014

http://cienciahoje.uol.com.br/noticias/2014/09/veneno-que-cura

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *