Aprova Concursos - Blog

Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Dobradinha do Aprova 06 – Voto: obrigatório ou facultativo?

Publicado em 29 de maio de 2014 por - Um Comentário

Confira no Dobradinha do Aprova 06, com os professores Laércio de Mello, de Atualidades, e Marlus Geronasso, de Redação e Língua Portuguesa,  como fazer uma excelente dissertação argumentativa sobre um tema atualíssimo: “Voto: obrigatório ou facultativo?”.

Mas para entender as eleições e o voto no país é preciso fazer uma viagem no processo democrático de consolidação do voto no Brasil. A eleição deste ano será a 7.ª eleição presidencial. E antes dessas sete eleições, o voto já foi arranjado, quando havia o voto por cabrestos do coronelismo, e já foi comprado, quando os deputados transportavam eleitores comprando seus votos com cestas básicas.

No Brasil, o voto é obrigatório, mas a defesa para que se torne facultativo está esquentando, inclusive, conforme publicado no Estadão, o ex-ministro do STF, Marco Aurélio, mostra-se favorável a desobrigatoriedade do voto, mas salienta que o Brasil precisa passar por um avanço cultural para que os brasileiros percebam a importância da ação de votar. Clique aqui e leia a matéria do Estadão.

Mas a Constituição permite que o voto seja facultativo?
Sim, pois as cláusulas pétreas da Constituição não serão afetadas. Mas, uma emenda deve ser criada para que essa medida seja legal e, além o disso, o voto deverá permanecer secreto (na hora do eleitor votar), direto, universal e periódico.

Redação

A dissertação argumentativa tem aparecido para todos, não importa se você está se preparando para o ENEM, se você é aluno de graduação e pensa no Enade, ou se você se prepara para algum concurso. Assim,  é preciso saber fazer uma redação com uma opinião sustentável, que implica na defesa de uma tese, embasada em argumentos lógicos, críticos.

Teste fazer uma redação sobre esse tema em um espaço entre 15 a 30 linhas.  As primeiras 5 ou 8 linhas devem ser usadas para a introdução, apresentando o tema, sem opinar ainda.

O desenvolvimento pode ter um dois parágrafos, onde a opinião deve ser apresentada de forma embasada em fatos, de forma lógica, bem encadeada. Cuidado no desenvolvimento: você não pode ser contra o voto. Se você for contra o voto, você será contra a democracia. Assim, entre os posicionamentos escolhidos pode ser a defesa o voto obrigatório ou do facultativo.

Na conclusão reforce a tese que foi desenvolvida.

Assista ao programa e confira todas as dicas de redação e informações sobre o tema.


Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Um comentário

  • quanto ao voto, deve ser obrigatório por enquanto, até quando o povo do Brasil expecificamente ficar madura!, pronto pra ser útilizado, dai com o amadurecimento podemos trabalhar o intelecto do povo, fazendo assim uma lavagem cerebral do passado com esse coisa de “diretas já,” e buscar hoje agora ensinar solidariedade. integridade e AMOR fraternal uns para com os outros. na integra por favor não só de boca! dizer que o próximo é preciso de uma palavrinha pequena que precisa ser colocada em pratica “HUMILDADE” interior. o povo não tem, nimguem tem! que vergonha, HUMILDADE ninguem é capaz de ter sozinho, somente com a “UNIÃO DO POVO” terá pudido obter uma resposta boa de cada Brasileiro. para todo esse falta de vergonha em todas as esferas Social, Politica,Econõmica,Particular e publica. essa esculhanbação vem desde 514 anos quando nasceu o Brasil já esculhanbado começando com a raça: Mista, étnia: verde, amarelo, azul e branco. cultura; diversificadas. posição Social: Mista. genero,numero e grau;Misto , dai!? você mudar assim com discussão, brigas, quebra,quebra, revolta e o escanbal. não dá né???????? vamos mudar o pensar primeiro, depois agir?????????? escrever uma cartilha como no ABC destribuir e depois fazer a leitura e pola em prática. é mais ou menos isso ai!!!!!!!!!!!!!!!!

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *