Aluno do Aprova Concursos aprovado no concurso do TRT 2

Aluno do Aprova Concursos aprovado no concurso do TRT 2

Eduardo Rocha decidiu estudar para concurso no final de 2013 e organizou uma preparação intensiva. Em menos de 90 dias estudou de 12 a 15 horas diariamente com o material do Aprova Concursos para o concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) de São Paulo, para o cargo de técnico. O resultado foi que  com 33 anos,  o mestre em História foi aprovado em seu primeiro concurso público. Leia a entrevista.

Aprova Concursos – Em qual concurso você foi aprovado?

Eduardo Rocha – Eu fui aprovado no concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) para o cargo de Técnico Judiciário, área administrativa. Foram mais de 63 mil candidatos inscritos, concorrendo a 190 vagas. O resultado acabou de ser publicado, fiquei classificado em 11º lugar.

 

Aprova Concursos – Há quanto tempo estava estudando? Já passou em outros concursos?

Eduardo Rocha – Estou comemorando um momento muito especial, uma vez que esta foi a minha primeira aprovação em concursos públicos. Em relação ao tempo de preparação, talvez a minha trajetória seja um pouquinho diferente do caminho percorrido por muitos concurseiros: quando resolvi começar a estudar, vi diversos testemunhos que afirmavam ser necessário se dedicar por muitos anos para conquistar o tão sonhado cargo público. Pensei: “Tudo bem, não importa quanto tempo demorarei até obter a minha vaga, o que realmente importa é acreditar que vou consegui-la e, para isto, darei o melhor de mim nos estudos.” Com o pensamento positivo, comecei a estudar em dezembro de 2013. Portanto, foram pouco menos de três meses de preparação – a prova ocorreu no final de fevereiro de 2014.

 

Aprova Concursos – Como o Aprova Concursos te ajudou?

Eduardo Rocha – A contribuição do Aprova foi enorme. Mesmo sendo intensivo, o curso seguiu rigorosamente o conteúdo programático do edital, o que me deixou bastante tranquilo para seguir adiante a cada dia. O papel dos professores do Aprova foi marcante: eles se esforçaram ao máximo para passar todas as informações possíveis a respeito de suas disciplinas, forneceram inúmeras dicas sobre a banca examinadora e falaram, cada um do seu jeito, palavras que me incentivaram bastante.

Confesso que tinha algum receio de fazer um curso online, pois achava que não teria contato com os professores para sanar minhas dúvidas e tampouco disporia de um tratamento individualizado. Coube ao Aprova mostrar que o ensino à distância pode ser tão “humano” quanto a modalidade presencial, uma vez que os professores estavam sempre à disposição para me ajudar – até pelo Facebook! – e isso foi decisivo para a minha aprovação.

 

Aprova Concursos – Quando decidiu prestar concurso público? Por quê?

Eduardo Rocha – Decidi prestar concursos públicos no último trimestre de 2013. Como minha esposa trabalha no Tribunal Regional Federal, eu já tinha uma boa ideia das vantagens de se conseguir um cargo na administração pública, como estabilidade, jornada semanal de trabalho reduzida, recessos no final do ano, licenças para capacitação e, obviamente, salários, benefícios e vantagens acima da média da iniciativa privada.

 

Aprova Concursos – Quais concursos você prestou?

Eduardo Rocha – Eu prestei os concursos do TRT-2 e TRF-3, e adquiri cursos preparatórios do Aprova para estes dois certames. O resultado do TRF ainda não foi divulgado, embora minha preferência seja ficar com a vaga que conquistei no TRT.

 

Aprova Concursos – Como você se preparou?

Eduardo Rocha –Minha primeira atitude foi elaborar um cronograma de estudos de acordo com a quantidade de aulas que assistiria ao longo do curso. Eu normalmente acompanhava seis aulas por dia – cada uma tinha aproximadamente 30 minutos de duração –, e dedicava o restante do tempo para ter contato com a legislação, elaborar resumos no computador e fazer exercícios, muitos exercícios. Usei e abusei do banco de questões do Aprova, em algumas ocasiões cheguei a superar a marca de 100 questões por dia!

Em geral, eu estudava entre 10 e 15 horas diárias, com intervalos a cada 2 ou 3 horas para não perder o foco e me manter sempre concentrado.

 

Aprova Concursos – Você pretende continuar estudando?

Eduardo Rocha – Sim. Eu sempre gostei de estudar! Além disso, me empolguei bastante com a dinâmica dos concursos, que se baseia na meritocracia. Certamente continuarei prestando outros certames para cargos de meu interesse na carreira pública.

 

Aprova Concursos – Você teria uma dica para quem está estudando?

Eduardo Rocha – Primeiramente, nunca se assuste com a concorrência, pois o maior adversário de cada candidato acaba sendo ele mesmo, tudo por causa de diversos fatores como o cansaço, a ansiedade e o medo do fracasso. Tente afastar os sentimentos negativos e acredite que você pode conquistar sua aprovação a qualquer momento!

Em segundo lugar, procure estudar em ambientes que proporcionem conforto e esteja sempre ao lado de pessoas que mantenham a sua motivação lá em cima. Eu, por exemplo, estudava boa parte do tempo com a minha esposa, que também prestou o concurso do TRT-2 e conseguiu ser classificada para o cargo de analista. Durante a fase de preparação estávamos sempre nos ajudando, trocando palavras de incentivo e cuidando para que o pessimismo não invadisse nossos estudos.

Além disso, DISCIPLINA é a palavra chave. Defina claramente seus objetivos, elabore um roteiro de estudos e nunca deixe de resumir as aulas – eu corria para anotar o que os professores falavam num caderno de rascunho e depois passava tudo a limpo no computador, atividade que ajudava a fixar os conteúdos na minha mente. E, volto a dizer: faça muitos exercícios e procure observar por que errou determinada questão, pois na preparação prestar atenção nos erros é mais importante que comemorar os acertos. No caso da FCC, é importantíssimo ler o enunciado e as alternativas palavra por palavra.

Finalmente, lembre-se que cada prova é só mais uma prova: por mais difícil que essa tarefa possa parecer, é necessário “tirar o peso” do certame, encará-lo apenas como mais um momento do seu caminho em busca de um cargo público. Respire fundo, procure ficar em paz consigo mesmo e faça uma excelente prova.

 

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *