Aprova Concursos - Blog

Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

PM RJ suspende concurso com 6 mil vagas para soldados

Publicado em 8 de janeiro de 2014 por - 8 Comentários

Concurso PMERJA Polícia Militar do Rio de Janeiro (PM RJ) suspendeu, por tempo indeterminado, as inscrições para o concurso que oferece 6 mil vagas para o cargo de soldado policial militar. A PM afirmou que a suspensão ocorreu devido à necessidade de convocações dos candidatos aprovados no concurso de 2010. No total, 1.782 vagas para homens e 67 para mulheres serão preenchidas por candidatos aprovados em todas as etapas do concurso anterior.

Os candidatos que conseguiram se inscrever e pagaram a taxa de inscrição de R$ 100 poderão solicitar a devolução da mesma a partir do dia 17/01/2014. Os interessados em reaver o valor deverão acessar o site da Exatus para pedir o ressarcimento. Ainda não há informações sobre quando o concurso será retomado.

De acordo com a PM, somente no primeiro dia de inscrições, em 18 de dezembro, mais de 26 mil pessoas se inscreveram. O concurso oferece 6 mil vagas, sendo 5.400 para homens e 600 para mulheres. A remuneração inicial é de R$ 2.382,89. Além da remuneração, os aprovados recebem gratificações que podem elevar o salário até R$ 5 mil.

Veja nota oficial da PM sobre a devolução da taxa de inscrição:

1- Em função de haver a necessidade da convocação dos candidatos aprovados no concurso de 2010 para o Curso de Formação de Soldados (CFSD), a PM está adiando as inscrições do atual concurso. A nova data de início das inscrições será divulgada em breve.

2- Serão 1782 vagas masculinas e 67 femininas, ainda do concurso de 2010, que serão preenchidas por candidatos aprovados em todas as etapas. O objetivo é atender necessidades imediatas da Segurança Pública, tendo em vista a proximidade da Copa do Mundo. São mais 1849 policiais para o Rio de Janeiro. Não há perda para a Política de Segurança Pública.

3- Todos os candidatos terão a quantia de R$ 100 – paga no ato de inscrição – totalmente devolvida. O processo de devolução do dinheiro se inicia a partir do dia 16 de janeiro, quando se encerra o prazo de vencimento do boleto.

4- Os candidatos que pagaram o boleto devem, a partir do dia 17, acessar o site http://www.exatuspr.com.br para saber como os valores serão restituídos.

5- O concurso teve 26.128 inscritos no primeiro dia. Somente após o dia 16 é que o número total de pessoas que pagaram o boleto será conhecido.

 

O concurso da PM RJ foi reaberto! Saiba mais!

 

concurso pm rj


Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

8 comentários

  • luciano

    gostaria de saber se hvera prova para oficial da pmerj esse ano e se vcs darão curso para preparação dele? obrigado.

    • Blog Aprova Concursos

      Olá Luciano!
      Até o momento não temos informações sobre um novo concurso para Oficial. Fique de olho aqui no blog que divulgaremos assim que tivermos qualquer novidade.
      Abs.

  • Rhamon rodrigues Dos Santos

    oi gostaria de saber exatamente como reaver meu dinheiro pago na inscriçao da pmrj, tentei mandar uma msg para exatus e nao fui respondido . Obg

    • Blog Aprova Concursos

      Olá Rhamon!
      As instruções estão neste link: http://www.exatuspr.com.br/?sub=mostra_concursos&id=488
      Abs.

      • Rhamon rodrigues Dos Santos

        Obg mandei o imail nao sei se chegou mais vou tentando, obg pela atençao .Mas eles podiam ter aproveitado as inscriçoes ja pagas ,no meu ponto de vista teria menos transtorno obg novamente!

  • joyce

    Ola,Boa Noite !
    Venho por meio desta expressar que é infinitamente lamentavel o ocorrido ja que me preparo para esse concurso a um bom tempo e agora depois de estar na cara do gol a bola foi diretamente na trave. Enfim,vamoa torcer e esperar por um novo concurso em breve ,mas alguem aqui pode me dizer se ja foi reembolsado? Mandei e mail como o exigido porem nada ate agora…
    Desde ja grata!

  • RODRIGO

    Eu completei em 2013 30 anos, não consegui realizar a inscrição pois eles cancelaram, agora em 2014 já faço 31 anos de idade, ou seja não poderei mais concorrer, terei que recorrer a justiça, será que é viável ?

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *