Aprova Concursos - Blog

Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Gabarito extraoficial INSS 2013 – Lei Complementar nº 101 – LRF

Publicado em 13 de outubro de 2013 por - 10 Comentários

Confira o gabarito extraoficial da prova de Lei Complementar nº 101 – LRF
do cargo de Analista do Seguro Social do concurso do INSS 2013, comentado pelo professor Sérgio Karkache

 

Sérgio Karkache 1

Professor Sérgio Karkache

Questão 28 

O Art. 24 da Lei Complementar Nº 101, de 4 de Maio de 2000, estabelece que “nenhum benefício ou serviço relativo à seguridade social poderá ser criado, majorado ou estendido sem a indicação da fonte de custeio total, nos termos do § 5º do art. 195 da Constituição, atendidas as exigências do art. 17, da mesma Lei, que trata das despesas obrigatórias e caráter continuado”. Seu § 1º estabelece que fica dispensado da compensação do art. 17 o aumento de despesas decorrentes de:

1. concessão de benefício a quem satisfaça as condições de habilitação prevista na legislação pertinente;
2. observância do disposto no inciso X do art. 167 da Constituição;
3. expansão quantitativa do atendimento e dos serviços prestados;
4. reajustamento de valor do benefício ou serviço, a fim de preservar o seu valor real;
5. cumprimento dos limites constitucionais relativos à saúde e à educação.

Apenas três dessas condições são, de fato, citadas na Lei. Identifique-as.

A)    I, III e V.

B)     I, III e IV.

C)    I, IV e V.

D)    II, III e V.

E)     II, IV e V.

Resposta: B
LRF, art. 24, § 1o É dispensada da compensação referida no art. 17 o aumento de despesa decorrente de: I – concessão de benefício a quem satisfaça as condições de habilitação prevista na legislação pertinente; II – expansão quantitativa do atendimento e dos serviços prestados; III – reajustamento de valor do benefício ou serviço, a fim de preservar o seu valor real.


Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

10 comentários

  • Lorena

    Haverá correcao de nocoes de administração?

  • Flávia Tupinambá

    Acerteeei! 🙂

  • Jean

    Professor Sergio,
    caberia algum recurso da questão 28?
    obrigado.

    • Também estou com essa dúvida. Meu argumento seria que foi um erro a inclusão desta matéria na disciplina de Noções de Administração, devido ela ser de Direito Administrativo. Não tenho dúvidas de que ela está no edital e nem que está correta, porém creio que ela não é adequada para valer ponto para esta disciplina. Seria um erro desde o edital.

  • Fernanda

    Sobre as questões especificas de PEDAGOGIA, haverá correção e publicação no site destas?

    • Aprova Concursos

      Olá Fernanda!
      Não faremos correção da parte específica.
      Abs.

    • Antonio Feitosa

      Tem muitas questões de Conhecimentos Específicos de Pedagogia com erro. Entrei com vários recursos.

      • Antonio Feitosa

        A interposição dos recursos foi da disciplina de PEDAGOGIA.

        Tipo de Recurso = 02-CONTRA OS GABARITOS PRELIMINARES DAS PROVAS OBJETIVAS
        Data do Recurso = 15/10/2013
        Questão do Recurso = 55
        ——————- Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 55 DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS QUE APARECE A LETRA A COMO RESPOSTA NO GABARITO PRELIMINAR DEVE SER ANULADA.
        COM BASE NA LEI 9.394/96 O ART. 6O ENFATIZA QUE: É DEVER DOS PAIS OU RESPONSÁVEIS EFETUAR A MATRÍCULA DAS CRIANÇAS NA EDUCAÇÃO BÁSICA A PARTIR DOS 4 (QUATRO) ANOS DE IDADE. CONFORME A REDAÇÃO DADA PELA LEI Nº 12.796, DE 2013. NO INÍCIO MATRÍCULA ERA EFETUADA A PARTIR DO sete ANOS DE IDADE, EM 2005, O DEVER DOS PAIS OU RESPONSÁVEIS DE EFETUAR A MATRÍCULA DAS CRIANÇAS FOI REDUZIDO PARA OS SEIS ANOS DE IDADE, CONFORME REDAÇÃO DADA PELA LEI Nº 11.114, DE 2005. EM 2013, É A PARTIR DOS QUATRO ANOS DE IDADE, CONFORME A REDAÇÃO DADA PELA LEI Nº 12.796, DE 2013.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER ANULADA.
        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 09 DE LÍNGUA PORTUGUESA DEVE SER RETIFICADA PELA D COMO CORRETA. O QUESITO EM QUESTÃO PEDE PARA MARCAR A ALTERNATIVA QUE COMPLETA A SEGUINTE PROPOSIÇÃO: A COMPREENSÃO DO TEXTO ACIMA REPRODUZIDO PERMITE
        DEPREENDER QUE O HUMOR DA NARRATIVA ESTÁ CENTRADO: LETRA D: NO IMPROVÁVEL ENCONTRO DE UM INTELECTUAL DE RENOME COM UM HOMEM SEM CULTURA ESCOLARIZADA. E NÃO NA: LETRA B: NA CRÍTICA À EXISTÊNCIA DE CIDADÃOS CULTOS E LETRADOS, INCAPAZES DE ENTENDER A FALA POPULAR DO HOMEM COMUM, SEU
        COMPATRIOTA. NO ENTANTO, TEM-SE O ENTENDIMENTO DE QUE CIDADÃOS CULTOS E LETRADOS SÃO SIM CAPAZES DE ENTENDER A FALA POPULAR DO HOMEM COMUM, E NÃO O CONTRÁRIO, COMO É O CASO DESSE INTELECTUAL DE RENOME, O GRANDE JURISTA RUY BARBOSA, COMO DIZ O TEXTO, E O LADRÃO, TOTALMENTE CONFUSO.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER RETIFICA PELA LETRA D COMO CORRETA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 09 DE LÍNGUA PORTUGUESA DEVE SER RETIFICADA PELA D COMO CORRETA. O QUESITO EM QUESTÃO PEDE PARA MARCAR A ALTERNATIVA QUE COMPLETA A SEGUINTE PROPOSIÇÃO: A COMPREENSÃO DO TEXTO ACIMA REPRODUZIDO PERMITE
        DEPREENDER QUE O HUMOR DA NARRATIVA ESTÁ CENTRADO: LETRA D: NO IMPROVÁVEL ENCONTRO DE UM INTELECTUAL DE RENOME COM UM HOMEM SEM CULTURA ESCOLARIZADA. E NÃO NA: LETRA B: NA CRÍTICA À EXISTÊNCIA DE CIDADÃOS CULTOS E LETRADOS, INCAPAZES DE ENTENDER A FALA POPULAR DO HOMEM COMUM, SEU
        COMPATRIOTA. NO ENTANTO, TEM-SE O ENTENDIMENTO DE QUE CIDADÃOS CULTOS E LETRADOS SÃO SIM CAPAZES DE ENTENDER A FALA POPULAR DO HOMEM COMUM, E NÃO O CONTRÁRIO, COMO É O CASO DESSE INTELECTUAL DE RENOME, O GRANDE JURISTA RUY BARBOSA, COMO DIZ O TEXTO, E O LADRÃO, TOTALMENTE CONFUSO.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER RETIFICA PELA LETRA D COMO CORRETA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 28 DE NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO ESTÁ BASTANTE CONTEXTUALIZADA AO NÍVEL DE NOÇÕES DA QUAL REQUER O CONTEÚDO EM QUESTÃO NO CERTAME. ESSA QUESTÃO NÃO ESTÁ AO NÍVEL DE NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO E DEVE SER ANULADA. COMO BEM ESPECIFICA A QUESTÃO: O ART. 24 DA LEI COMPLEMENTAR N° 101, DE 4 DE MAIO DE 2000, ESTABELECE QUE NENHUM BENEFÍCIO OU SERVIÇO RELATIVO À SEGURIDADE SOCIAL PODERÁ SER CRIADO, MAJORADO OU ESTENDIDO SEM A INDICAÇÃO DA FONTE DE CUSTEIO TOTAL, NOS TERMOS DO § 5° DO ART. 195 DA CONSTITUIÇÃO, ATENDIDAS AS EXIGÊNCIAS DO ART. 17, DA MESMA LEI, QUE TRATA DAS DESPESAS OBRIGATÓRIAS E CARÁTER CONTINUADO. O CONTEXTO ATÉ AÍ, ESTÁ EM NÍVEL DE NOÇÕES, MAS COMO SABER O QUE O SEU § 1° ESTABELECE QUE FICA DISPENSADO DA COMPENSAÇÃO DO ART. 17 O AUMENTO DE DESPESAS DECORRENTES DE: AINDA MAIS, COMO SABER O QUE EXPLICITA O DISPOSTO NO INCISO X DO ART. 167 DA CONSTITUIÇÃO ISTO É, A IDENTIFICAÇÃO DE UM ARTIGO COM UM INCISO E PARÁGRAFO COM OUTRO ARTIGO.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO ESTÁ BASTANTE DIFÍCIL A NÍVEL DE NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO EXIGIDA NO CERTAME E DEVE SER ANULADA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 35 DE NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO DEVE SER ANULADA, POIS APARECEM DUAS RESPOSTAS COMO CORRETAS NAS ALTERNATIVAS NAS LETRAS C E D DO QUESITO EM QUESTÃO.
        A QUESTÃO ESPECIFICA O SEGUINTE: TENDO EM VISTA O PRAZO MÍNIMO PARA O RECEBIMENTO DE PROPOSTAS OU DA REALIZAÇÃO DO EVENTO, NOS TERMOS DA LEI Nº 8666/93, É CORRETO AFIRMAR SÃO NECESSÁRIOS: NA LETRA C TEMOS – TRINTA DIAS PARA TOMADA DE PREÇOS, QUANDO A LICITAÇÃO FOR DO TIPO MELHOR TÉCNICA OU TÉCNICA E PREÇO. E A LETRA D – CINCO DIAS PARA CONVITES. PORTANTO, O ART. 21. § 2O. DA LEI 8.666/93 ESTABELECE: O PRAZO MÍNIMO ATÉ O RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS OU DA REALIZAÇÃO DO EVENTO SERÁ:
        II – TRINTA DIAS PARA:
        B) TOMADA DE PREÇOS, QUANDO A LICITAÇÃO FOR DO TIPO MELHOR TÉCNICA OU TÉCNICA E PREÇO. E
        IV – CINCO DIAS PARA CONVITE. PORTANTO ESSA QUESTÃO DEVE SER ANULADA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 51 DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS QUE APARECE A LETRA E COMO RESPOSTA NO GABARITO PRELIMINAR DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA A COMO CORRETA.
        NO ENTANTO, O INCISO IV DO ART. 9º DA LEI 9.394/96 RESSALTA A SEGUINTE NECESSIDADE: – ESTABELECER, EM COLABORAÇÃO COM OS ESTADOS, O DISTRITO FEDERAL E OS MUNICÍPIOS, COMPETÊNCIAS E DIRETRIZES PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL, O ENSINO FUNDAMENTAL E O ENSINO MÉDIO, QUE NORTEARÃO OS CURRÍCULOS E SEUS CONTEÚDOS MÍNIMOS, DE MODO A ASSEGURAR FORMAÇÃO BÁSICA COMUM. ENTRETANTO, A LEI VEM A PROPICIAR UMA FORMAÇÃO BÁSICA COMUM. PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA A COMO CORRETA.
        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 52 DE CONHECIMENTO ESPECÍFICO QUE APARECE COMO RESPOSTA A LETRA D DO GABARITO PRELIMINAR DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA C COMO CORRETA.
        O QUESITO EM QUESTÃO ESPECIFICA: NA INTRODUÇÃO DOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS (PCN/1997) PROPÕE-SE UM DESENVOLVIMENTO CURRICULAR COM QUATRO NÍVEIS DE CONCRETIZAÇÃO. O PRIMEIRO NÍVEL DE CONCRETIZAÇÃO DO CURRÍCULO CORRESPONDE AOS PRÓPRIOS PCNS, QUE SE CONSTITUEM
        EM UMA REFERÊNCIA NACIONAL, OU SEJA, NUMA PERSPECTIVA MACRO. O SEGUNDO DIZ RESPEITO ÀS PROPOSTAS CURRICULARES DOS ESTADOS E MUNICÍPIOS. EM RELAÇÃO AO TERCEIRO E QUARTO NÍVEIS DE CONCRETIZAÇÃO CURRICULAR, PODE-SE DIZER QUE, RESPECTIVAMENTE, REFEREM-SE:
        C) ÀS PROGRAMAÇÕES DAS ATIVIDADES DE ENSINO E APRENDIZAGEM NA SALA DE AULA E ÀS ATIVIDADES REALIZADAS INDIVIDUALMENTE
        PELOS ALUNOS. E NÃO OS ESPECIFICADOS NA LETRA: ESSE REPRESENTA O O TERCEIRO E QUARTO NÍVEIS DE CONCRETIZAÇÃO CURRICULAR A QUE SE REFERE À CONCRETIZAÇÃO CURRICULAR A DE TRABALHAR A PROGRAMAÇÃO E A APRENDIZAGEM EM SALA DE AULA DE PELOS ALUNOS.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA C COMO CORRETA.
        D) ÀS PROPOSTAS CURRICULARES DE CADA INSTITUIÇÃO ESCOLAR E AO MOMENTO DE REALIZAÇÃO DAS PROGRAMAÇÕES DAS ATIVIDADES DE
        ENSINO E APRENDIZAGEM NA SALA DE AULA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        NA QUESTÃO DE NÚMERO 05 DE LÍNGUA PORTUGUESA A PALAVRA MÉDIA ESTÁ NO SENTIDO CONOTATIVO, DIFERENTE DA EXPRESSÃO: A MÉDIA DA INFLAÇÃO ANUAL ULTRAPASSOU OS PATAMARES ESPERADOS PELO GOVERNO.O GRUPO NÃO CONSEGUIU ATINGIR A MÉDIA PARA SER CLASSIFICADO NO CERTAME.O PROFESSOR CALCULOU RAPIDAMENTE A MÉDIA DOS SEUS MELHORES ALUNOS.SEU DESJEJUM CONSTAVA SEMPRE DE UMA MÉDIA COM PÃO E MANTEIGA E NADA MAIS. NO ENTANTO, A EXPRESSÃO,UMA MÉDIA COM PÃO E MANTEIGA TAMBÉM ESTÁ NO SENTIDO DENOTATIVO DA PALAVRA. O TEXTO NÃO CITA NADA SOBRE PÃO E MANTEIGA. A ALTERNATIVA PEDE PRA ASSINALAR O ITEM EM QUE A PALAVRA MÉDIA TEM O MESMO SENTIDO APRESENTADO NO TRECHO: CHAMAR CHÁVENA À MISERÁVEL XÍCARA ONDE SE TOMA A MÉDIA NOS BOTEQUINS, COM AQUELE CHEIRO DE DESINFETANTE QUE VEM BAFEJAR O CAFÉ COM LEITE DO POBRE, DEVE VALORIZAR A COISA. ENTRETANTO, A EXPRESSÃO: PELA EXPERIÊNCIA QUE TENHO DA VIDA, DIFICILMENTE ALGUÉM FAZ MÉDIA COMIGO! NA LETRA B DA ALTERNATIVA É ONDE A PALAVRA MÉDIA TEM O MESMO SENTIDO APRESENTADO NO TRECHO EM QUESTÃO. PORTANTO, A QUESTÃO DE NÚMERO 05 DE LÍNGUA PORTUGUESA, QUE TEM COMO COMO RESPOSTA A LETRA E DO GABARITO PRELIMINAR DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA B COMO CORRETA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 54 DE CONHECIMENTO ESPECÍFICO QUE APARECE A LETRA B NO GABARITO PRELIMINAR COMO RESPOSTA DEVE SER RETIFICA PELA LETRA D COMO CORRETA.
        NO ENTANTO, COM BASE NO ART. 21. DA LEI 9.394/96 – A EDUCAÇÃO ESCOLAR COMPÕE-SE DE:
        I – EDUCAÇÃO BÁSICA, FORMADA PELA EDUCAÇÃO INFANTIL, ENSINO FUNDAMENTAL E ENSINO MÉDIO.
        II – EDUCAÇÃO SUPERIOR. ENTRETANTO, A LEI DETERMINA QUE A ESCOLARIDADE SEJA ORGANIZADA EM NÍVEL, NÃO EM GRAUS.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA D COMO CORRETA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 56 DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS QUE APARECE A LETRA D COMO RESPOSTA NO GABARITO PRELIMINAR DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA A COMO CORRETA. A QUESTÃO ESPECIFICA O SEGUINTE:
        A CITAÇÃO ABAIXO FOI EXTRAÍDA DO INCISO V DO ARTIGO 24 DA LDB 9394/96:

        A) AVALIAÇÃO CONTÍNUA E CUMULATIVA DO DESEMPENHO DO ALUNO, COM PREVALÊNCIA DOS ASPECTOS QUALITATIVOS SOBRE OS QUANTITATIVOS E DOS RESULTADOS AO LONGO DO PERÍODO SOBRE OS DE EVENTUAIS PROVAS FINAIS.
        B) POSSIBILIDADE DE ACELERAÇÃO DE ESTUDOS PARA ALUNOS COM ATRASO ESCOLAR.
        C) POSSIBILIDADE DE AVANÇO NOS CURSOS E NAS SÉRIES MEDIANTE VERIFICAÇÃO DO APRENDIZADO.
        D) APROVEITAMENTO DE ESTUDOS CONCLUÍDOS COM ÊXITO.
        E) OBRIGATORIEDADE DE ESTUDOS DE RECUPERAÇÃO, DE PREFERÊNCIA PARALELOS AO PERÍODO LETIVO, PARA OS CASOS DE BAIXO RENDIMENTO ESCOLAR, A SEREM DISCIPLINADOS PELAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO EM SEUS REGIMENTOS.
        NELA, PODE-SE PERCEBER QUE, NO QUE TANGE À AVALIAÇÃO DO RENDIMENTO ESCOLAR, HÁ UMA PREOCUPAÇÃO E UMA ÊNFASE NA:
        ESSE ARTIGO DA LEI ESPECIFICA, CONFORME TEXTO NO INCISO V – A VERIFICAÇÃO DO RENDIMENTO ESCOLAR OBSERVARÁ OS SEGUINTES CRITÉRIOS: E NÃO ESPECIFICA NADA SOBRE ORDENAÇÃO DOS ESTUDANTES PARA FINS DE APROVAÇÃO E REPROVAÇÃO, COMO CITADO NA LETRA D. A QUESTÃO É: NO QUE TANGE À AVALIAÇÃO DO RENDIMENTO ESCOLAR, HÁ UMA PREOCUPAÇÃO E UMA ÊNFASE NA: OBRIGATORIEDADE DE ESTUDOS DE RECUPERAÇÃO DE PREFERÊNCIA PARALELOS AO PERÍODO LETIVO, PARA OS CASOS DE BAIXO RENDIMENTO ESCOLAR, A SEREM DISCIPLINADOS PELAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO EM SEUS REGIMENTOS. AS ALÍNEAS B,C,D ESPECIFICA POSSIBILIDADES E APROVEITAMENTO. PORTANTO, A ÊNFASE REALMENTE ESTÁ NA OBRIGATORIEDADE DE ESTUDOS DE RECUPERAÇÃO.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA A COMO CORRETA.

        ——————- FIM ——————-

        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 57 DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS QUE APARECE A LETRA B COMO RESPOSTA NO GABARITO PRELIMINAR DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA E COMO CORRETA.
        OM BASE NA LEI 9.394/96 NO ART. 87. ENFATIZA QUE: É INSTITUÍDA A DÉCADA DA EDUCAÇÃO, A INICIAR-SE UM ANO A PARTIR DA PUBLICAÇÃO DESTA LEI.
        § 1º A UNIÃO, NO PRAZO DE UM ANO A PARTIR DA PUBLICAÇÃO DESTA LEI, ENCAMINHARÁ, AO CONGRESSO NACIONAL, O PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, COM DIRETRIZES E METAS PARA OS DEZ ANOS SEGUINTES, EM SINTONIA COM A DECLARAÇÃO MUNDIAL SOBRE EDUCAÇÃO PARA TODOS.
        ATÉ MESMO O ARTIGO 214 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL DESTACA QUE: A LEI ESTABELECERÁ O PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, DE DURAÇÃO DECENAL, COM O OBJETIVO DE ARTICULAR O SISTEMA NACIONAL DE EDUCAÇÃO EM REGIME DE COLABORAÇÃO E DEFINIR DIRETRIZES, OBJETIVOS, METAS E ESTRATÉGIAS DE IMPLEMENTAÇÃO PARA ASSEGURAR A MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO EM SEUS DIVERSOS NÍVEIS, ETAPAS E MODALIDADES POR MEIO DE AÇÕES INTEGRADAS DOS PODERES PÚBLICOS DAS DIFERENTES ESFERAS FEDERATIVAS QUE CONDUZAM A: (REDAÇÃO DADA PELA EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 59, DE 2009.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER RETIFICADA PELA LETRA E COMO CORRETA.

        ——————- FIM ——————-
        Eis algumas delas.
        Texto —————–
        A QUESTÃO DE NÚMERO 70 DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS DEVE SER ANULADA. INFELIZMENTE, ESSA QUESTÃO NÃO PODE SER VISUALIZADA EM SUA PLENITUDE NO CADERNO DE QUESTÕES IMPRESSO, COMO É VISTA NO CADERNO DE QUESTÕES NA PÁGINA ELETRÔNICA DA FUNRIO, ISTO É, AS LEGENDAS NAS SUAS FIGURAS SÓ APARECEM BORRÕES, IMPOSSÍVEIS DE SEREM DECIFRADOS DIFICULTANDO A INTERPRETAÇÃO DA CHARGE.
        PORTANTO, ESSA QUESTÃO DEVE SER ANULADA.
        ——————- FIM ——————-

  • Jean

    Gente se alguem puder me ajudar com recursos em lingua portuguesa e administração,
    estou precisando de ajuda, por outro lado posso ajudar em alguns recursos em direito.
    obrigado.
    jeantavares2011@gmail.com

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *