Gabarito extraoficial do Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade de Bacharel em Ciências Contábeis, corrigido pela professora Tatiane Antonovz.

1. Uma sociedade empresária apresentou saldo inicial de caixa de R$30.000,00 e saldo final de R$22.000,00.

Assinale a opção que representa a operação efetuada pela empresa que justifica a mudança no saldo:

a)     pagamento de dívidas no valor de R$6.000,00 com encargos de R$2.000,00.

b)     pagamento de dívidas no valor de R$8.000,00 com desconto de R$2.000,00.

c)      Recebimento de direitos no valor de R$6.000,00 com encargos de R$2.000,00.

d)     Recebimento de direitos no valor de R$8.000,00 com desconto de R$2.000,00.

RESPOSTA 1

Inicial: 30.000; final: 22.000

Diferença: 8.000

Letra A, pois paga-se 6.000 mais 2.000, ou seja, 8.000, diminuindo o caixa.

2. Em 14.11.2012, uma sociedade empresária adquiriu, a prazo, de um fornecedor situado no exterior, uma máquina para incorporar ao seu Ativo Imobilizado por 100.000,00 dólares americanos.

Considerando que a taxa de câmbio utilizada para converter um Dólar em Real, em 14.11.2012, era de R$2,06 e, em 31.12.2012, era de R$2,04, é CORRETO afirmar que:

a)     O valor que constará no Contas a Pagar da sociedade em 31.12.2012 será de R$204.000,00.

b)     O valor que constará no Contas a Pagar da sociedade em 31.12.2012 será de R$ 206.000,00.

c)      O valor que constará no Contas a Pagar e no Imobilizado, em 31.12.2012, será de R$204.000,00.

d)     O valor que constará no Contas a Pagar e no Imobilizado, em  31.12.2012, será de R$ 206.000,00.

RESPOSTA 2 Se adquiriu a prazo, deverá ajustar a obrigação até a data do pagamento. O passivo será alterado para 204.000 em 31/12 e o ativo manterá o valor de aquisição registrado na compra, que é de 206.000.

Letra A.

3. Uma sociedade empresária apresentou em 31.12.2012 as seguintes informações:

 

CONTAS SALDOS
Ajuste Credor de Avaliação Patrimonial R$ 400,00
Ajuste Credor de Conversão do Período R$ 400,00
Aumento do Capital Social R$1.600,00
Custo da Mercadoria Vendida R$2.400,00
Despesas com IRPJ e CSLL R$ 80,00
ICMS Incidentes sobre Vendas R$ 400,00
Receita Bruta de Vendas R$ 4.000,00
Receitas financeiras R$ 800,00

Com base nessas informações, assinale a opção que apresenta o Resultado Abrangente Total do Período.

a)     R$2.320,00.

b)     R$ 2.720,00.

c)      R$ 3.520,00.

d)     R$ 4.320,00.

RESPOSTA

LETRA B

Resultado abrangente total é o resultado de todas as operações da empresa, sem contar com aquelas que envolvam os seus sócios/proprietários. Sendo assim, é descartado o aumento do capital social apenas.

400 + 400 -2400 – 80 – 400 + 4000 + 800 = 2.720

4. Uma sociedade empresária apresentou o seguinte balancete de verificação levantado em 31.07.2013:

 

CONTAS SALDOS SALDOS
  DEVEDORES CREDORES
Bancos Conta Movimento R$8.180,00
Caixa R$3.600,00
Capital Social R$ 10.340,00
Custo das Mercadorias Vendidas R$5.200,00
Custo Venda Imobilizado R$3.000,00
Depreciações Acumuladas R$2.500,00
Despesas com Depreciação R$1.600,00
Despesas com Salários R$3.380,00
Despesas com vendas R$ 1.200,00
Despesas com Aluguéis R$ 500,00
Despesas Financeiras R$ 450,00
Despesas Gerais R$1.200,00
Devolução de Vendas R$250,00
Duplicatas a receber R$11.000,00
Duplicatas Descontadas R$6.370,00
Empréstimos de Longo Prazo R$15.000,00
Estoque de Mercadorias R$7.200,00
Fornecedores R$8.250,00
ICMS Sobre Vendas R$3.740,00
Juros a Transcorrer de Longo Prazo R$4.150,00
Moveis e Utensílios R$19.430,00
Receita com Venda de Imobilizado R$3.650,00
Receita Bruta com Vendas de Mercadorias R$22.000,00
Receitas Financeiras R$1.470,00
Reservas de Lucros R$4.500,00
TOTAL R$ 74.080,00 R$ 74.080,00

 

Com base nos dados apresentados no balancete acima e desconsiderando a incidência tributária, o valor do lucro líquido é:

a)     R$5.950,00

b)     R$6.200,00

c)     R$6.600,00

d)     R$6.850,00

RESPOSTA 4

Letra C

5. Uma sociedade empresária adota como método de avaliação de seu estoque o custo médio ponderado móvel.

Em 31.12.2012, seu estoque de mercadorias para venda estava assim constituído:

 

Estoque Inicial R$20.000,00
Quantidade 200 unidades
Valor Unitário R$ 100,00

No decorrer do mês de janeiro de 2013, ocorreram as seguintes operações com mercadorias:

3.1.2013 – Aquisição de mercadorias para revenda, conforme abaixo:

 

Quantidade 120 unidades
Preço Unitário R$ 106,67
Frete R$ 500,00
Seguro R$ 300,00

 

12.1.2013 – Venda de mercadorias, conforme abaixo:

 

Quantidade 180 unidades
Preço Unitário R$ 250,00

12.1.2013 – Aquisição de mercadorias para revenda, conforme abaixo:

 

Quantidade 150 unidades
Preço Unitário R$ 111,58
Frete R$ 350,00
Seguro R$ 200,00

 

Com base nas informações acima e desconsiderando a incidência de tributos, o custo médio unitário utilizado para a baixa do estoque em 12.1.2013 foi de:

 

a)     R$ 100,00.

b)     R$ 102,50.

c)      R$ 104,06.

d)     R$ 105,00.

 

RESPOSTA 5

Letra D

 

 

 

6. Em relação a inclusão nas Notas Explicativas às Demonstrações Contábeis , aponte os itens abaixo, de acordo com ITG 1000 – Modelo Contábil para Microempresas e Empresa de Pequeno Porte, que devem, obrigatoriamente, constar nas Notas Explicativas e, em seguida, assinale a opção CORRETA.

 

  1. Declaração explícita e não reservada em conformidade com ITG 1000.
  2. Descrição resumida das operações da entidade e suas principais atividades.
  3. Referência às principais práticas contábeis adotadas na elaboração das demonstrações contábeis.
  4. Descrição resumida das políticas contábeis significativas utilizadas pela entidade.

 

Esta (ao) certo(s) o(s) item (ns):

 

a)     I e II, apenas.

b)     I, II, III e IV.

c)      II e III, apenas.

d)     III, apenas.

 

RESPOSTA 6

Letra B.

Texto literal da Resolução 1418 do CFC, item 39, a qual regulamenta a ITG 1000.

 

 

 

7. Uma sociedade empresária foi constituída em novembro de 2012. Após a constituição, foram realizadas as seguintes transações no referido ano.

 

 

Transações Valores
   
– Integralização de capital pelos acionistas da empresa em dinheiro R$500.000,00
– Valor bruto da aquisição de mercadorias, sendo 50% à vista e 50% a serem pagos em 2013 R$80.000,00
– ICMS a recuperar sobre aquisição de mercadorias R$9.600,00
– Aquisição, à vista, de um item do Ativo Imobilizado R$50.000,00
– Venda à vista de todas as mercadorias adquiridas no período R$150.000,00
– Tributos incidentes sobre a venda a serem pagos em 2013 R$15.000,00

 

Considerando que estas foram as únicas transações realizadas no ano de 2012 e desconsiderando a incidência de tributos sobre o Lucro, é CORRETO afirmar que na Demonstração dos Fluxos de Caixa do ano de 2012:

 

a)     As atividades Operacionais geraram caixa no valor de R$110.000,00; as Atividades de Investimento consumiram caixa no valor de R$50.000,00; e as Atividades de Financiamento geraram caixa no valor de R$500.000,00.

 

b)     As Atividades Operacionais geraram caixa no valor de R$ 110.000,00; as Atividades de Investimento geraram caixa no valor de R$450.000,00; e as Atividades de Financiamento não consumiram nem geraram caixa.

 

c)      As Atividades Operacionais geraram caixa no valor de R$60.000; as Atividades de Investimento não consumiram nem geraram caixa; e as Atividades de Financiamento geraram caixa no valor de R$500.000,00.

 

d)     As Atividades Operacionais geraram caixa no valor de R$60.000,00; as Atividades de Investimento consumiram caixa no valor de R$500.000,00; e as Atividades de Financiamento não consumiram nem geraram caixa.

 

RESPOSTA 7

Operacionais: 110.000 (150.000 da venda a vista menos 40.000 da compra a prazo, pois só metade foi paga em 2012); Financiamento: 500.000 (integralização em dinheiro); Investimento: -50.000 (compra de imobilizado).

Letra A.

 

Assinale a opção que apresenta apenas contas de natureza devedora passíveis de integrar o Ativo de uma empresa comercial.

 

a)     Adiantamentos a Clientes; Provisão para Riscos Fiscais; Credores por Financiamentos; Imposto de Renda Incidente sobre salários.

 

b)     Ágio na Emissão de Ações; Alienação de Bônus de Subscrição; Doações e Subvenções para Investimentos; Reservas de Incentivos Fiscais.

c)     Depósitos Restituíveis e Valores Vinculados; Depósitos e Prazo Fixo; Prêmios de Seguros a Apropriar; Comissões e Prêmios Pagos Antecipadamente.

d)     Perdas Estimadas na Realização de Créditos; Perdas por Redução ao Valor Mercado; Ajuste a Valor Presente de Clientes e Depreciação Acumulada.

 

RESPOSTA 8

Letra C

 

9. Em relação às informações relativas à riqueza criada e sua distribuição apresentada na Demonstração do Valor Adicionado de uma empresa industrial, assinale a opção INCORRETA.

 

a)     A distribuição do valor adicionado abrange, entre outros, a remuneração direta com pessoal, benefícios, FGTS, imposto, taxas e contribuições federais, estaduais e municipais e a remuneração de capitais próprios, tais como dividendos e juros do capital próprio.

 

b)     A remuneração de capital de terceiros abrange, entre outros, os fornecedores, as contas a pagar, os juros passivos, as provisões judiciais e as reservas patrimoniais.

 

c)      O valor adicionado recebido em transferência abrange, entre outros, o resultado da equivalência patrimonial e as receitas financeiras.

 

d)     Os insumos adquiridos de terceiros abrangem, entre outros, os custos das matérias-primas incluídos no custo dos produtos vendidos, energia e serviços de terceiros.

 

RESPOSTA 9

Letra B

Remuneração de capitais de terceiros – valores pagos ou creditados aos financiadores externos de capital.

 

  • Juros inclui as despesas financeiras, inclusive as variações cambiais passivas, relativas a quaisquer tipos de empréstimos e financiamentos junto a instituições financeiras, empresas do grupo ou outras formas de obtenção de recursos. Inclui os valores que tenham sido capitalizados no período.
  • Aluguéis inclui os aluguéis (inclusive as despesas com arrendamento operacional) pagos ou creditados a terceiros, inclusive os acrescidos aos ativos.
  • Outras inclui outras remunerações que configurem transferência de riqueza a terceiros, mesmo que originadas em capital intelectual, tais como royalties, franquia, direitos autorais, etc.

Não abrange Reservas patrimoniais

 

 

10. Em 31.7.2013, uma sociedade empresária firmou contrato de seguros com cláusula de cobertura dos ativos para o período de 1º.8.2013 a 31.07.2014.

 

A empresa pagou em 31.07.2013, em parcela única, o montante de R$1.200,00 referente ao prêmio de seguro.

 

De acordo com o contrato, em caso de sinistro, a empresa poderá receber indenização no montante de até R$ 100.000,00, e o valor da franquia a ser paga será de R$840,00.

 

No Balanço Patrimonial de 31.7.2013, a empresa apresentará a seguinte situação patrimonial.

 

a)     Despesas Pagas Antecipadamente, no Ativo Circulante, R$1.200,00.

b)     Despesas Pagas Antecipadamente, no Ativo Não Circulante, R$360,00.

c)      Despesas Realizadas com Seguros, na Demonstração de Resultado, R$840,00.

d)     Seguros a Receber, no Ativo Não Circulante, R$100.000,00.

 

RESPOSTA 10

Letra A

Débito – Despesas pagas antecipadamente – Ativo

Crédito – Caixa

1.200,00

 

 

11. Uma sociedade apresentou os seguintes dados extraídos do Balanço Patrimonial, apresentado no conjunto, apresentado no conjunto de suas demonstrações contábeis do ano de 2012, e da movimentação contábil do Patrimônio Líquido no período, expressos em milhares de reais:

Saldos do Patrimônio Líquido

  31.12.2012 31.12.2012
Patrimônio Líquido
Capital Social R$1.200.000 R$1.200.000
Reserva de Lucros R$240.000 R$200.000
Ajuste de Avaliação Patrimonial R$6.500 R$5.000
Total do Patrimônio Líquido R$1.446.500 R$1.405.000

Movimentação do Patrimônio Líquido

– Constituição da Reserva Legal R$40.000
– Lucro Líquido do Exercício R$900.000
– Dividendos Obrigatórios do Período R$860.000
-Ganho em Instrumento Financeiro Disponível para Venda R$1.500

 

Com base nos dados apresentados, considerando que a única Reserva de Lucro constituída é a Reserva Legal, a Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido, em milhares de reais, para o ano de 2012, será:

 a) Demonstração da Mutação do Patrimônio Líquido

Capital Social Reservas de Lucros Ajuste de avaliação Patrimonial Lucros Acumulados Total do Patrimônio Líquido
Saldo do Patrimônio Líquido em 31.12.2011 R$1.200.000 R$200.000 R$5.000   R$1.405.000
Ganho em instrumento financeiro disponível para venda     R$ 1.500    
Lucro Líquido do Exército R$ 900.000 R$ 900.000
Constituição da Reserva Legal R$40.000   (R$40.000)

Dividendos do Período       (R$ 860.000) (R$ 860.000)
Saldo do Patrimônio Líquido em 31.12.2012 R$1.200.000     (R$ 860.000) (R$ 860.000)

 

c) Demonstração da Mutação do Patrimônio Líquido

Capital Social Reservas de Lucros Lucros Acumulados Total do Patrimônio Líquido
Saldo do Patrimônio Líquido em 31.12.2011 R$1.200.000 R$200.000 R$5.000 R$1.405.000
Ganho em instrumento financeiro disponível para venda     R$1.500 R$1.500
Lucro Líquido do Exército R$ 900.000 R$ 900.000
Constituição da Reserva Legal R$40.000 (R$40.000)

Dividendos do Período     (R$ 860.000) (R$ 860.000)
Saldo do Patrimônio Líquido em 31.12.2012 R$1.200.000 R$240.000 R$ 6.500 R$ 1.446.500

 

 d) Demonstração da Mutação do Patrimônio Líquido

Capital Social Reservas de Lucros Reserva legal Ajuste de Avaliação Patrimonial Total do Patrimônio Líquido
Saldo do Patrimônio Líquido em 31.12.2011 R$1.200.000 R$200.000 R$5.000 R$1.405.000
Ganho em instrumento financeiro disponível para venda     R$1.500 R$1.500
Lucro Líquido do Exército R$900.000 R$900.000
Constituição da Reserva Legal R$40.000 (R$40.000)

Dividendos do Período       (R$860.000) (R$860.000)
Saldo do Patrimônio Líquido em 31.12.2012 R$1.200.000 R$200.00 R$40.00 R$6.500 R$1.446.500

RESPOSTA 11

Letra A

12. Uma sociedade empresária vende mercadorias a varejo e adota o slogan “satisfação garantida ou o seu dinheiro de volta” apenas para o segmento de produtos de luxo, comprometendo-se a devolver aos clientes o valor pago pelas mercadorias, caso não fiquem satisfeitos. O prazo para solicitação da indenização pelo cliente é de 30 dias após a data da compra.

No mês de julho de 2013, foram realizadas vendas de mercadorias à vista e com pronta entrega no valor de R$400.000,00, dos quais R$100.000,00 referem-se ao segmento de produtos de luxo.

A área de atendimento ao cliente estima, com base na experiência passada e outros fatores relevantes, que 2% do valor das vendas sujeitas à devolução de pagamento deverá ser objeto de indenização.

De acordo com a NBC TG 30 – Receitas e desconsiderando os efeitos tributários, a sociedade empresária deverá registrar:

a)     Receita com vendas de R$300.000,00 em julho de 2013, e o restante apenas quando vencido o prazo para reclamação;

b)     Receita com vendas de R$300.000,00, em julho; receita com vendas de R$100.000,00; e despesa com provisão de R$2.000,00, em agosto de 2013.

c)     Receita com vendas de R$400.000,00 e despesa com provisão de R$2.000,00 em julho de 2013;

d)     Receita com vendas de R$400.000,00 e nenhuma despesa com provisão em julho de 2013.

RESPOSTA 12

Letra C.

Item 36 da NBC TG 30. As perdas prováveis por garantias (devoluções) devem ser provisionadas.

13. Uma máquina tem custo de aquisição de R$100.000,00, valor residual de R$10.000,00 e vida útil de cinco anos.

Ao final do segundo ano, o saldo da depreciação acumulada, considerando o método linear e o método de soma dos dígitos dos anos, será respectivamente de:

a)     R$36.000,00 e R$18.000,00;

b)     R$36.000,00 e R$54.000,00;

c)      R$40.000,00 e R$18.000,00;

d)     R$40.000,00 e R$54.000,00.

RESPOSTA 13

13) Letra B.

Linear: 90.000*(2/5) = 36.000; Soma dos dígitos: 5/15 + 4/15 = 9/15 ou 3/5 de 90.000 = 54.000. A depreciação maior nos dois primeiros anos se justifica, pois nos anos seguintes, presume-se um gasto maior com manutenção.

14. Uma sociedade empresária realizou, em janeiro de 2013, as seguintes operações:

ü     Aquisição de mercadoria para revenda por R$50.000,00, neste valor incluídos R$7.500,00 referentes aos impostos recuperáveis;

ü     Das mercadorias adquiridas, 50% foram vendidas por R$102.800,00, neste valor incluídos R$25.700,00 referentes aos impostos incidentes sobre as vendas.

Considerando que não havia estoque inicial de mercadorias para revenda, na Demonstração do Valor Adicionado, o valor adicionado bruto será igual a:

a)     R$55.850,00;

b)     R$60.300,00;

c)      R$77.800,00;

d)     R$81.550,00.

RESPOSTA 14

Letra C

 

RECEITAS  
Vendas de Mercadorias 102.800
INSUMOS ADQUIRIDOS DE TERCEIROS
Custo das Mercadorias Vendidas -25.000,00
VALOR ADICIONADO BRUTO 77.800,00

 

15. A respeito do Ativo Contingente, conforme a NBC TG 25 – Provisões, Passivos Contingentes e Ativos Contingentes, assinale a opção INCORRETA.

a)     A entidade não deve reconhecer um ativo contingente;

b)     O ativo contingente é divulgado em notas explicativas quando for provável a entrada de benefícios econômicos;

c)     Os ativos contingentes não são reconhecidos nas demonstrações contábeis, uma vez que pode tratar-se de resultado que nunca venha a ser realizado. Porém, quando a realização do ganho é praticamente certa, então o ativo relacionado não é um ativo contingente e o seu reconhecimento é adequado;

d)    Os ativos contingentes surgem normalmente de evento planejado ou de outros esperados que deem origem à probabilidade de entrada de benefícios econômicos para a entidade.

RESPOSTA 15

Letra D

Os ativos contingentes surgem de eventos NÃO planejados

16. Uma sociedade empresária apresentou os seguintes saldos após a destinação do resultado de 2012:

 

CONTAS

SALDOS

ü     Bancos Conta Movimento

R$25.000,00

ü     Caixa

R$10.000,00

ü     Capital a Integralizar

R$50.000,00

ü     Capital Subscrito                    R$100.000,00
ü     Depreciação Acumulada

 R$15.000,00

ü     Duplicatas a Receber

R$47.000,00

ü     Duplicatas Descontadas

R$27.000,00

ü     Estoques de Mercadorias

R$28.000,00

ü     Fornecedores

R$70.000,00

ü     ICMS a Recuperar

  R$2.000,00

ü     Investimentos em Coligadas

R$49.000,00

ü     Reservas de Lucros

R$38.000,00

ü     Veículos de Uso

R$39.000,00

 

No Balanço Patrimonial, o Ativo Total é igual a:

a)     R$135.000,00;

b)     R$158.000,00;

c)     R$183.000,00;

d)    R$185.000,00.

RESPOSTA 16

Letra D

 

17. Uma sociedade empresária recebeu por meio de cobrança bancária de clientes em 30.6.2013 duplicatas vencidas desde 31.5.2013, no valor de R$120.000,00 com juros de 10% de seu valor.

O registro CORRETO desta operação de recebimento é:

a)     DÉBITO                     Duplicatas a Receber                     R$120.000,00

DÉBITO                     Juros Ativos                                        R$12.000,00

CRÉDITO                  Banco conta Movimento                 R$132.000,00

 

b)    DÉBITO                    Banco conta Movimento             R$132.000,00

CRÉDITO                 Duplicatas a Receber                  R$120.000,00

CRÉDITO                 Juros Ativos                                                 R$12.000,00

c)     DÉBITO                     Duplicatas a Receber                     R$132.000,00

CRÉDITO                  Juros Ativos                                        R$12.000,00

CRÉDITO                  Banco conta Movimento                 R$120.000,00

 

d)     DÉBITO                     Banco conta Movimento                 R$120.000,00

DÉBITO                     Juros Ativos                                        R$12.000,00

CRÉDITO                  Duplicatas a Receber                     R$132.000,00

RESPOSTA 17

Letra B.

O dinheiro entra integral na conta corrente (132.000), sendo 12.000 de receita de juros e 120.000 de diminuição do ativo (clientes).

 

18. Uma sociedade empresária em seu exercício findo em 2012, apresentava os seguintes dados extraídos da Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido – DMPL.

Descrição

Valores

ü     Destinação para reserva de lucros a realizar

R$180,00

ü     Aquisições de ações de emissão própria

R$336,00

ü     Destinação para reserva legal

R$840,00

ü     Reversão de reservas de contingências

R$4.896,00

ü     Destinação para reserva estatutária

R$6.180,00

ü     Distribuição de dividendos obrigatórios

R$14.496,00

ü     Aumento de capital social com incorporação de reservas de lucros

R$15.600,00

ü     Lucro líquido do exercício

R$16.800,00

ü     Aumento de capital social com integralização em dinheiro

R$20.400,00

 

De acordo com os dados acima, a variação total do Patrimônio Líquido, apresentada na DMPL, foi de:

a)     R$22.368,00;

b)     R$22.704,00;

c)     R$37.968,00;

d)     R$38.304,00.

RESPOSTA 18

LETRA A

19. De acordo com as Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público, inclusive a Lei nº 4.320/64, são demonstrações contábeis das entidades definidas no campo da contabilidade aplicada ao setor público:

a)     Balanço Patrimonial, Balanço Orçamentário, Demonstração do Resultado do Exercício e Demonstração das Variações Patrimoniais;

b)     Balanço Patrimonial, Balanço Orçamentário, Demonstração do Valor Adicionado e Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido;

c)     Balanço Patrimonial, Balanço Orçamentário, Demonstração do Valor Abrangente e Balanço Financeiro;

d)    Balanço Patrimonial, Balanço Orçamentário, Demonstração dos Fluxos de Caixa e Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido.

RESPOSTA 19

Letra D.

Volume V do MCASP (Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público).

 

20. Uma prefeitura de um determinado município brasileiro apresentou as seguintes informações contábeis referentes ao exercício financeiro de X1:

 

ü     Receita prevista

R$5.000.000,00

ü     Receita arrecadada

R$5.500.000,00

ü     Despesa empenhada                   R$4.500.00,00
ü     Despesa liquidada

R$4.300.000,00

ü     Despesa paga

R$4.000.000,00

ü     Despesa fixada

R$5.000.000,00

ü     Pagamento de resto a Pagar

R$1.000.000,00

Com base nessas informações e na Lei nº 4.320/1964, o resultado da execução orçamentária, no exercício financeiro de X1, foi

 

a)     R$500.000,00

b)     R$1.000.000,00

c)     R$1.200.000,00

d)     R$1.500.000,00

 

RESPOSTA NÃO ENCONTRADA

21. Conforme o que determina a Lei nº 4.320/64 sobre a contabilidade aplicada às entidades públicas governamentais, assinale a opção INCORRETA.

a)     A contabilidade deverá manter os registros analíticos de todos os bens de caráter permanentemente, com indicação dos elementos responsáveis pela sua guarda e administração.

b)     A Demonstração das Variações Patrimoniais evidenciará as alterações verificadas no patrimônio, resultantes ou independentes da execução orçamentária, e indicará o resultado financeiro do exercício.

c)      As autarquias devem remeter, dentro do prazo que a legislação fixar, os balanços ao órgão central de contabilidade da União, dos Estados, dos municípios e do Distrito Federal para fins de incorporação dos resultados, salvo disposição legal em contrário.

d)     Os serviços de contabilidade serão organizados de forma a permitirem o acompanhamento da execução orçamentária, o conhecimento da composição patrimonial, a determinação dos custos dos serviços industriais, o levantamento dos balanços gerais, a análise e a interpretação dos resultados econômicos e financeiros.

 

RESPOSTA 21

Letra B

Resultado patrimonial e não, financeiro.

22. Uma sociedade industrial produz dois tipos de produtos: camisa e calça masculina. A produção se dá em dois departamentos: Corte e Costura.

Sua estrutura de custos em determinado período foi a seguinte:

Custos diretos referentes aos produtos

Custos Diretos Totais
Calça R$126.000,00
Camisa   R$54.000,00

 

Custo indireto de produção comum aos dois produtos

Aluguel R$6.500,00
Energia elétrica R$5.800,00

 

Outros dados coletados no período:

ü     Área e consumo de energia de cada Departamento

 

 

Departamento de Corte

Departamento de Costura

Total

Área em m² 195 455 650
Consumo de energia em KWH 108 432 540

 

ü     A empresa utiliza o critério de departamentalização para alocação dos custos aos produtos;

ü     O aluguel é distribuído de acordo com a área e a energia elétrica é distribuída de acordo com o consumo de cada Departamento;

ü     Os custos departamentais são distribuídos aos produtos nas seguintes proporções:

 

  Departamento de Corte Departamento de Costura
Calça 40% 30%
Camisa 60% 70%

 

ü     Quantidade de produção

  Quantidade Produzida
Calça 10.000 unidades
Camisa   7.000 unidades

Considerando que a empresa produziu no período 10.000 calças, o custo de produção de uma calça é de:

 

a)     R$13,00

b)     R$13,22

c)     R$13,33

d)     R$13,46

RESPOSTA 22

Letra A

 23. Uma indústria, em determinado período, apresentou os seguintes dados:

 

Descrição

Valores

Compra de matéria-prima R$15.600,00
Custos indiretos de produção R$10.400,00
Despesas administrativas   R$2.600,00
Estoque final de matéria-prima   R$9.100,00
Estoque final de produtos em processo   R$6.500,00
Estoque inicial de matéria-prima   R$6.500,00
Estoque final de produtos acabados   R$7.800,00
Estoque inicial de produtos em processo   R$5.200,00
Mão de obra direta R$13.000,00

 

Considerando que o Estoque Final de Produtos Acabados é igual a zero, o Custo de Produção do Período é de:

a)     R$33.800,00;

b)     R$35.100,00;

c)     R$36.400,00;

d)    R$42.900,00.

RESPOSTA 23

Letra D

24. Uma sociedade empresária prestadora de serviços apresentou os seguintes dados no mês de julho de 2013.

ü     Vendas de serviços R$250.000,00
ü     Despesas financeiras     R$8.200,00
ü     Custo de mão de obra   R$65.000,00
ü     Baixa por perda de bens do imobilizado   R$25.000,00
ü     Depreciação de equipamento utilizado na prestação do serviço     R$4.000,00
ü     Imposto sobre serviços   R$12.500,00
ü     Custo do material aplicado   R$45.000,00

 

De acordo com os dados fornecidos acima, o valor do custo dos serviços prestados corresponde a:

a)     R$114.000,00;

b)     R$122.200,00;

c)     R$139.000,00;

d)     R$151.500,00.

RESPOSTA 24: Letra A

 

25. Uma sociedade empresária apresenta os seguintes itens de custo projetado para a produção de 500 unidades do Produto A e 300 unidades do Produto B:

 

ü     Aluguel do galpão da área de produção no valor de R$4.000,00 mensais.

ü     Custo de matéria-prima: R$2,00 por unidade para o Produto A e R$3,00 por unidade para o Produto B.

ü     Custo com mão de obra direta: R$6,00 por unidade tanto para o Produto A quanto para o Produto B.

ü     Custo com depreciação das máquinas utilizadas na produção de ambos os produtos, calculado pelo método linear, no valor mensal de R$1.000,00.

 

No que diz respeito à relação com os produtos, é CORRETO afirmar que:

a)     o custo com aluguel é um custo variável e indireto;

b)     o custo com depreciação é fixo e direto;

c)     o custo com mão de obra é fixo e indireto;

d)    o custo com matéria-prima é um custo variável e direto.

RESPOSTA 25

Letra D

Segundo a terminologia de custos e o caso apresentado, a MP é um custo variável, pois depende da quantidade produzida e direto, pois é associado facilmente ao produto final.

 

 

Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *