Aprova Concursos - Blog

Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

IBAMA – Entrevista com Laércio de Mello sobre dicas para a prova de Atualidades

Publicado em 5 de junho de 2013 por - Comentar

Acompanhe a entrevista com o professor de Atualidades do Aprova Concursos Laércio de Mello, que fala sobre as principais características da abordagem dada aos temas de Atualidades na prova do IBAMA, que realizará concurso para o cargo de Analista Administrativo em breve, e tem como banca organizadora a Cespe/UnB.

Aprova Concursos – Que tipo de questões este concurso costuma cobrar sobre Atualidades?

Laércio de Mello – O edital tem a seguinte descrição: “O julgamento de cada item será CERTO ou ERRADO”. Esse modelo de prova, cobra do aluno uma atenção especial, pois parecer ser fácil, mas não é, porque apenas duas alternativas torna mais fácil a montagem de “pegadinhas”. É importante lembrar também que um mesmo texto de enunciado dá a possibilidade de existirem um número muito grande questões de CERTO ou ERRADO. Nesse modelo se dá bem o aluno que treinou a interpretação de texto longo.

Aprova Concursos – O que é mais importante saber sobre Atualidades baseado neste edital?

Laércio de Mello – Não dá pra falar de coisas mais importantes, nesse caso é necessário que o aluno tenha uma visão global. Em se tratando de IBAMA ele tem que saber o máximo possível de meio ambiente, mas também ser capaz de relacionar com o dia a dia. Vou dar um exemplo prático: Todos sabem da importância da energia eólica para o meio ambiente, mas existe questionamento de sua verdadeira eficácia ambiental ou de seus danos colaterais. Muito ambientalistas denunciam que esse modelo está destruindo as dunas da Região Nordeste. Segundo os ambientalistas uma das mais belas paisagens de Rio Grande do Norte, as dunas de Galinhos que está a 160 km de Natal sofrem sérias modificações com a instalação de um parque de energia eólica (a partir dos ventos). Citei esse exemplo justamente para despertar o aluno para determinadas contradições que podem existir no tema ambiental. Por tanto, esse comentário que fiz é um alerta ao concurseiro e a concurseira para que sejam leitores críticos da prova e também saibam ser críticos na redação da prova discursiva, pois ela pode exigir em cada resposta uma redação com temas de atualidades e cobrar conhecimentos técnicos dos candidatos. Nesse caso da redação das questões, é bom não ser partidário e sim adotar uma postura técnica, nunca usando o termo “eu acho” no correto ou errado, mas sim sempre citando, a lei ou pesquisadores e cientistas quando necessário um posição de opinião.

Entendo que é importante nesse caso, sempre no início de uma reposta começar com uma citação e dando o crédito, por exemplo:
Segundo o autor (…) De acordo com o autor (…) Como pensa o autor… A exemplo do que já escreveu o autor. Segundo a Lei (…) Conforme a grande impressa divulgou (…) E assim por diante. Desta forma você mostra ao corretor do texto que sabe do tema e conhece os pesquisadores que escrevem sobre o assunto.

Aprova Concursos – Onde o aluno deve se informar e estudar sobre o tema?

Laércio de Mello – Vamos começar pelo texto do edital: Tópicos relevantes e atuais de diversas áreas, tais como política, economia, sociedade, educação, meio ambiente, desenvolvimento sustentável, aspectos socioeconômicos e ecologia.
Note que o texto é curto e muitos candidatos o negligenciam por causa disso, mas ele é tão abrangente quanto o restante, pois “tópicos relevantes” abrem um leque enorme de alternativas para a banca. Por isso que citei anteriormente que não dá pra falar de temais mais importantes, e que nesse caso é necessário que o aluno tenha uma visão global.
É indiscutível que o aluno deve conhecer as leis ambientais, principalmente as que causam mais polêmicas, por exemplo, as que estão relacionadas com o desmatamento, o reflorestamento, as matas ciliares, encostas e nascentes de rios, os conflitos de interesses que existem entre: ruralistas, ambientalistas, pequenos agricultores, e a bancada rural do Congresso.

Aprova Concursos – Há alguma forma de revisar estes conteúdos mais próximos da data da prova?
Laércio de Mello – Sim. Existem inúmeros depoimentos na internet sobre os temas que acabei de citar. Nós também gravamos várias aulas sobe temas ambientais que podem ajudar o aluno a revisar essas informações um exemplo é a aula 26 – a Lei de Crimes Ambientais completa 15 anos, também aula número 24 – Brasil e sua dependência de recursos hídricos, a aula 14 – Atlas disseca Amazônia e faz alerta para o futuro, entre outras.

Aprova Concursos – Quais temas atuais o senhor acredita que esse concurso abordará?
Laércio de Mello – Acredito muito que o Código Florestal estará presente na maior parte da prova, seja em textos jornalísticos, artigos e na própria forma da lei. O aluno deve conhecer bem essas três formas de se expressar para que sua interpretação seja mais eficaz e assim chegue à resposta correta.
Outro ponto importante é a capacidade do aluno se relacionar com as mais diversas áreas do conhecimento. Um profissional desse órgão não pode ser individualista, mas sim tem que saber trabalhar de forma interdisciplinar.

Aprova Concursos – O que é importante saber sobre história e geografia local?
Laércio de Mello – Essa pergunta é bem abrangente. Primeiro tenho que dizer que é impossível entender o Brasil, seja em que área for sem entender sua história e sua geografia. Isso porque é sobre a nossa geografia que tudo se desenvolveu e o local onde a história aconteceu. Esse é o ponto mais básico que o candidato de saber, mas assa pergunta me leva a pensar na possibilidade da prova discursiva que valerá 20,00 pontos e consistirá da redação de texto dissertativo, de até 30 linhas. Seguir esse caminho e cobrar do aluno conhecimentos sobre dados históricos e os geográficos da transformação paisagística que nosso país passou, principalmente dos anos de 1970 para cá, justamente o momento de grande desmatamento, mas também de grande produção agropecuária. Mesmo que não se cobre um tema diretamente ligado a isso, ter esse demínio é fundamental para as outras questões.

Aprova Concursos – Há alguma consideração relevante que considere importante repassar aos concurseiros que vão fazer esta prova?
Laércio de Mello – Use o tempo inteiro da prova. Um procedimento que ajuda: se você candidato faz rascunhos, então faça primeiro a parte escrita e marque quanto tempo levou para isso. Depois vá para a parte objetiva sabem que tem ainda que voltar e passar a limpo.
No mais só desejo uma ótima prova.

Estude para este concurso


Inscreva-se

Receba as notícias por e-mail

Comente:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *