Senado aprova folga para trabalhador prestar concurso público

Candidato teria até 8 horas por mês para realizar provas

A Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou nesta quarta-feira, dia 21, o projeto que permite ao funcionário perder até oito horas mensais de trabalho para a realização de provas em estabelecimentos educacionais. A proposta também prevê a dispensa para concursos públicos.

O projeto é de autoria do senador Cícero Lucena (PSDB), para quem as oito horas a cada 30 dias (não cumuláveis) não trariam danos à rotina das organizações. Ele defende que o trabalhador-acadêmico terá um rendimento melhor no futuro.

O projeto inicial, alterado durante sua tramitação no Senado, previa a possibilidade de ausência do emprego apenas para trabalhadores matriculados em estabelecimento de ensino regular. Com a mudança, a regra vale para todos os trabalhadores que desejarem participar de seleções públicas.

Aprovada em caráter terminativo, a proposta segue para análise dos deputados. Se não sofrer alterações, passa para a sanção presidencial.

Fonte: Portal Banda B

Comentários

  1. seria bacana tb essas 8 horas divididas diariamente no decorrer do mes!!!!!
    uns 15 minutos antes para sair do trabalho quem estivesse devidamente matriculado em instituiçao de curso preparatorio!!!
    precisei em meu trbalho e foi dificil…mas consegui mas tenho que chegar 15m antes,,, caso fosse lei… seria um direito sem alteral meu horario de entrada!!!

  2. Muito boa essa mudança, já que os candidatos também se escrevem em seleções de outros estados, aumentando assim o tempo de deslocamento de retorno, já que a maioria das provas são realizadas no domingo a tarde.

Comente

*

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

Aprova Concursos

Al. Dr. Carlos de Carvalho, 1482 Batel - CEP 80730-200 Curitiba - PR Telefone: 0800 606 8889